EM ALTA
Os bairros de Jardim Armação e Itapuã são os grandes expoentes nesse momento da Construção Civil
SECA DEIXA 52% DOS MUNICÍPIOS DA BAHIA EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA
RISCO

SECA DEIXA 52% DOS MUNICÍPIOS DA BAHIA EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA
 RUI COSTA ANUNCIA REALIZAÇÃO DA CAMPUS PARTY NA BAHIA
EVENTO

RUI COSTA ANUNCIA REALIZAÇÃO DA CAMPUS PARTY NA BAHIA
COLUNISTAS

ENTREVISTAS
SEU INVESTIMENTO
LOJAS VIRTUAIS ESTÃO EM ALTA E SÃO OPÇÃO DE NEGÓCIO
..................................................................


FRASE DO DIA

"Existem duas possibilidades [para o tremor de terra sentido neste domingo(26)] : uma é reativação de falhas geológicas na Baía de Todos-os-Santos; e como teve relato de feixe de luz, é possível que tenha sido a queda de um meteoro que causou o barulho e o tremor nas casas das pessoas"

Carlos Uchoa
Geólogo 

 



OUTRAS NOTÍCIAS
28/03 - 08h51m

Em número de presença nas sessões da Câmara dos Deputados, Davidson Magalhães (PCdoB) aparece com a maior pontuação entre os deputados baianos. Félix Mendonça Júnior (PDT), Bacelar (PTN), Antonio Brito (PSD) e Mario Negromonte  Júnior (PP) completam o ranking.

Já a lista dos faltosos é encabeçada por Arthur Maia (PPS), relator da Reforma da Previdência, seguido  por Lucio Vieira Lima, Afonso Florence, Sérgio Brito (PSD) e Waldenor Pereira. Dos que respondem processos judiciais, Bacelar acumula a nota mais negativa. Na sequência, estão Roberto Britto (PP), Mário Júnior, Arthur Maia e Erivelton Santana (PEN).

O Ranking dos Políticos também avalia os deputados que mais gastaram a chamada cota para exercício da atividade parlamentar - repasse feito mensalmente pela Câmara para cobrir despesas com o mandato, tais como combustível, telefonia, passagens aéreas, alimentação, hospedagem, manutenção de escritório nos estados de origem, aluguel de carros e aeronaves, divulgação do trabalho, consultoria e segurança.

Nos cinco primeiros lugares, estão Sérgio Brito, Roberto Britto, Paulo Magalhães (PSD), José Carlos Araújo (PR) e Márcio Marinho (PRB). Os deputados que menos utilizaram a verba foram: Nelson Pelegrino (PT), Davidson Magalhães, Alice Portugal (PCdoB), João Gualberto e Antonio Brito. (Coluna Satélite/Correio)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h42m

 


 

Em carta publicada nesta segunda-feira (27) pelo blog Nocaute, do escritor Fernando Morais, o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, preso desde agosto de 2015 por suposto envolvimento com o esquema de desvios na Petrobras revelado pela Lava Jato, condena os métodos do juiz da 13.ª Vara Criminal Federal de Curitiba, Sérgio Moro, responsável pela operação, e diz que está há três anos sem renda própria e com os bens indisponíveis.
 
Dirceu alega que Moro contraria o entendimento de tribunais superiores e age contra a Constituição ao prorrogar indefinidamente sua prisão preventiva, uma vez que o próprio juiz já condenou o ex-ministro a mais de 30 anos de cadeia em dois processos, e o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que os réus podem responder em liberdade até que sejam condenados em segunda instância. Segundo o petista, Moro ignora o princípio da presunção de inocência.

"Ora, minha condenação no processo Engevix-Petrobras não transitou em julgado, logo tenho a presunção da inocência, não a culpabilidade. Ou Moro já a revogou? Mas Moro vai mais longe. Diz que 'o produto do crime não foi recuperado, há outras investigações em andamento e ainda não foi determinada a extensão de minhas atividades'!!! Então Moro já me condena sem sequer ter me investigado?", questiona Dirceu. O ex-ministro argumenta que ministros do STF têm dado votos favoráveis ao uso de tornozeleira eletrônica e defendido que a prisão cautelar se aplica "só em último caso". (Estadão)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h31m


A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta terça-feira (28), a 39ª fase da Lava Jato, batizada de Operação Paralelo. Os mandados ainda estão sendo cumpridos na cidade do Rio de Janeiro; um deles é de prisão preventiva e os outros cinco, de busca e apreensão.

As ordens judiciais foram expedidas pelo juízo da 13ª Vara Federal de Curitiba. O nome da operação foi dado em razão da ação clandestina no mercado financeiro por parte dos investigados.

A fase anterior da Lava Jato, deflagrada no dia 23 de fevereiro e batizada de Blackout, apura o pagamento de US$ 40 milhões de propinas durante 10 anos. Jorge Luz e o filho dele Bruno Luz são suspeitos de facilitar o pagamento de propinas. (G1)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h27m

 




O engenheiro Fábio Schvartsman, CEO da Klabin, foi escolhido ontem para presidir a Vale no lugar de Murilo Ferreira. Schvartsman constava de uma lista que na partida contava com cerca de 30 nomes, inclusive o baiano Clovis Torres, que atualmente é diretor de RH da empresa, conforme adiantou o Bahia Econômica.

Segundo o jornal Estado de São Paulo, Torres defendia a manutenção do atual presidente Murilo Ferreira, mas quando ficou claro que essa hipótese seria dificl passou a trabalhar seu próprio nome, inclusive com parlamentares do PMDB e PSDB. Mas a escolha foi mais técnica e o nome de Fábio Schvartsman se destacou. 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h20m

 

Criado em 2012 por dois empresários brasileiros que integram movimentos de combate à corrupção, o Ranking dos Políticos atualizado com os dados dos três primeiros meses do ano traz a lista dos cinco deputados federais baianos mais bem posicionados no páreo.

O primeiro lugar na classificação geral é ocupado por João Gualberto (PSDB), o único do estado na relação dos dez parlamentares da Câmara com a maior pontuação, onde aparece em sétimo. Na segunda, terceira, quarta e quinta colocações, respectivamente, estão Cláudio Cajado (DEM), Lúcio Vieira Lima (PMDB), Benito Gama (PTB) e Elmar Nascimento.

Na ponta contrária, a que reúne nomes com baixa avaliação, a liderança ficou com Luiz Caetano (PT), último entre todos os 513 deputados. Abaixo dele, vêm Daniel Almeida (PCdoB) e João Carlos Bacelar (PR), 512º e 511º no ranking geral. Afonso Florence e Waldenor Pereira, ambos do PT, completam o time.

Baseada em critérios como assiduidade, quantidade de processos judiciais a que respondem e o total gasto com a verba indenizatória, a ferramenta é alimentada por dados oficiais do Legislativo e do Judiciário disponíveis em portais de transparência. Não foi incluído quem pediu licença do mandato. (Coluna Satélite/Correio)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h11m

 
O presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, afirmou na noite desta segunda-feira que a Selic tem caído em face das expectativas de inflação ancoradas em torno da meta, do processo de desaceleração dos preços e do alto grau de ociosidade da economia. Esse processo, diz Ilan, tem levado à redução do juro real que já tem girado em torno de 5% ao levar em conta a expectativa de inflação futura.
 
"As taxas de juros reais (juros nominais menos inflação) também estão em queda. Várias medidas confirmam esse fato", disse em discurso feito em jantar oferecido pelo Museu Judaico de São Paulo. A reunião não foi aberta para imprensa, mas os principais pontos da fala do presidente do BC foram publicados no site da autoridade monetária.
 
Nesse trecho do discurso, Ilan Goldfajn ressaltou que o juro real, que chegou perto de 10% em 2015, já caiu praticamente pela metade. Ao levar em conta a taxa de juro prefixada de 12 meses do mercado futuro descontada a inflação esperada para o mesmo período, o juro real embutido nesses contratos caiu de 9% em setembro de 2015, para 7% no ano passado e, mais recentemente, para o atual patamar em torno de 4,9%.
 
Outras métricas indicam a redução do juro real. Se levar em conta a trajetória da Selic prevista na pesquisa Focus para os próximos 12 meses, a taxa real está em 5%. No mercado de títulos, o juro real embutido nas NTN-B - papéis indexados à inflação medida pelo IPCA - já indicam taxa entre 5% e 5,5%. (Estadão)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h08m


Presidente do PDT na Bahia, o deputado federal Félix Mendonça Junior, afirma que o partido continuará no comando da Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri), hoje a cargo do deputado estadual licenciado Vitor Bonfim, que sairá em breve por causa das eleições de 2018, quando ele tentará se reeleger.

Félix Jr., contudo, descarta possível conversa com o governador Rui Costa (PT) sobre ‘mais espaço’ para o PDT na administração do petista. Félix também afirma que ainda não há nomes cogitados para o posto.

“O PDT continua com a Seagri, mas ainda não temos um nome. Vamos conversar com o governador no momento da saída de Vitor e acertar isso. Mas temos bons nomes e Vitor Bonfim terá papel importante nessa indicação. Isso não será problema. O PDT tem bons quadros para oferecer ao governador. Agora, esse negócio de mais espaço no governo não está em pauta. O governador fez uma reforma no começo do ano. Onde ele vai arranjar mais espaço para alguém? Vai tirar algum aliado? Isso não vai acontecer. O PDT fica como está e está bem representado no governo”, afirmou o presidente do PDT baiano.  (Tribuna)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 08h01m

 
A Caixa Econômica Federal anunciou nesta terça-feira (28) ter registrado um lucro líquido de R$ 4,1 bilhões em 2016. No ano anterior, os ganhos haviam chegado a R$ 7,2 bilhões. A queda é de 43% de um ano para o outro.

No acumulado do ano, o resultado operacional cresceu 272% em relação ao apresentado em 2015, totalizando R$ 4 bilhões, decorrente dos avanços alcançados no resultado da intermediação, nas receitas com serviços, na qualidade da carteira de crédito e em melhorias de eficiência operacional. (G1)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h29m
 

 
O governador Rui Costa anunciou nesta segunda-feira (27), pelas redes sociais, que a Bahia entrou no circuito internacional da Campus Party, evento que reúne as principais novidades tecnológicas do mundo com palestras e workshops. Rui anunciou a novidade após encontro com Francesco Farruggia, presidente da Campus Party, na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).
 
Neste ano, o evento acontece no país de 14 a 18 de junho, em Brasília. "Definimos a realização do evento pela primeira vez na Bahia, para felicidade dos geeks e nerds baianos", disse o governador. Na próxima semana, o Governo do Estado convocará uma coletiva de imprensa para anunciar os detalhes do maior evento internacional de fanáticos digitais.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h21m
 
 
O prefeito ACM Neto e a secretária municipal de Educação (Smed), Paloma Modesto, inauguram nesta terça-feira (28) a Escola Municipal de Periperi, às 10h30 (ao lado de escola estadual Praia Grande). O espaço foi completamente reconstruído após inúmeros problemas estruturais que comprometeram a segurança de alunos e professores, além de provocar interrupções das aulas em épocas de chuva. A escola atende a 1.072 alunos do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA), e ainda há vagas disponíveis.
 
Foram investidos na reconstrução da unidade R$ 2,1 milhões. A escola agora passa a contar com dois pavimentos, pátios cobertos, playground, 20 salas de aula, sanitários, inclusive com adaptação para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, além de diretoria, secretaria, cozinha, despensa, lavanderia, área de serviço, entre outros espaços. Essa é apenas uma das entregas da Prefeitura para celebrar os 468 anos de Salvador, comemorado no dia 29 de março. Com a nova estrutura, será possível receber até 1,6 mil alunos.
 
O primeiro passo para resolver parte dos problemas estruturais da unidade foi eliminar o desnível que havia entre a rua e a escola. Isso provocava constantes alagamentos em períodos de chuvas por conta do escoamento das águas para a escola, o que inviabilizava a manutenção das aulas. Sete salas chegaram a ser interditadas por esse problema, agravado pelo transbordamento do esgoto. Em seguida, foi dado início à reconstrução completa do equipamento de ensino, deixando para trás o quadro de abandono.
 
A Prefeitura soma 239 unidades de ensino reformadas, reconstruídas ou construídas desde o início dessa gestão. Só neste ano, foram 28 unidades de ensino construídas ou com melhorias na infraestrutura. Cerca de 45% das unidades de ensino tiveram obras de melhorias (reformas e reconstruções), considerando as 418 unidades existentes de 2013. Esse esforço possibilitou ainda a ampliação do número de vagas do ensino infantil, passando de 17,3 mil em 2013 para 32,2 mil para o ano letivo de 2017.



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h14m
 
 
Dos 417 municípios baianos, 214 se encontram em situação de emergência por conta da seca. Ou seja, mais da metade (cerca de 52%) das cidades do estado. Os dados são da Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado da Bahia (Sudec), atualizados nesta segunda-feira, 27.
 
Entre os municípios atingidos pela estiagem está o de Manoel Vitorino, distante a 103 km Salvador. Moradores daquela localidade têm enfrentado grandes dificuldades na lavoura e na criação de gado. Para o lavrador e morador da cidade, senhor Antonio Galdino de Souza, de 58 anos, que vive com a esposa e mais dois filhos em Manoel Vitorino, há mais de 15 anos, ver sua lavoura e a seu pouco gado morrerem por falta d'água é um sofrimento constante.
 
"As plantações e as criações de gado são nossas fontes de renda, nosso meio de sobrevivência. É muito sofrimento ter que conviver com essa situação. Isso aqui é a nossa vida. Nós precisamos de chuva, nós precisamos de ajuda", apela Galdino.
 
Ao relatar os transtornos que já passou nesses 15 anos na região, o lavrador considerou o ano de 2016 o pior de todos os anos em relação a falta de chuva . "Moro aqui desde 1º de julho de 1981, e já passei por muitas secas nessa vida, mas pra mim, o ano passado (2016) foi o pior de todos eles. Tivemos chuva no mês de janeiro, depois disso, só veio chover em novembro e mesmo assim em pouca quantidade", disse.



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h12m
 
 
Os Estados e municípios terão seis meses de prazo para promoverem mudanças nos sistemas de aposentadoria dos servidores públicos ou, se não mexerem nas regras para concessão dos benefícios, serão obrigados a se adequar à reforma da Previdência que for aprovada pelo Congresso. A ideia de estabelecer prazo para que os governos estaduais e municipais façam os seus ajustes será apresentada pelo governo como emenda à proposta de reforma da Previdência.
 
O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, disse que "juridicamente" esta é uma solução viável. "Fica para os Estados e municípios a decisão de adotar ou não um regime diferente daquele da União", argumentou Oliveira. "Cada um terá de tomar a sua própria iniciativa."
 
Para o deputado Arthur Maia (PPS-BA), relator da comissão especial que analisa a reforma da Previdência na Câmara, tudo está sendo feito respeitando o pacto federativo. "Os governos estaduais e municipais terão de regulamentar a previdência dos servidores no prazo de seis meses (após a aprovação da reforma), pois caso contrário terão de seguir as regras federais", afirmou ele. (A Tarde/ESP)
 
.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h09m
 

 
Dentro da programação pelos 468 anos de Salvador, outro aniversariante também ganha nova sede com estrutura ampliada para realizar atendimentos de intermediação de mão-de-obra, capacitação profissional e estímulo e formalização de microempreendedores. O Serviço de Intermediação de Mão-de-Obra (SIMM), que também abriga o Centro do Empreendedor Municipal (CEM), terá nova sede inaugurada pela Prefeitura nesta terça-feira (28), às 9h, no Edifício Ouro Preto, na Rua Miguel Calmon, 506, Comércio (ao lado do Cartório de Registro Civil de Tabelionatos de Notas – 5º Ofício). A cerimônia contará com as presenças do prefeito ACM Neto e do secretário municipal do Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), Geraldo Junior.
 
Com a modernização, a nova instalação do SIMM terá a capacidade de atender o dobro de usuários – que na estrutura antiga era de 640 pessoas em média. Dentre as novidades, a nova sede do SIMM vai contar com todos os ambientes climatizados e dois auditórios, sendo um com capacidade para 30 e outro para 60 pessoas. Além disso, haverá uma sala para atendimento individualizado de psicologia, onde serão realizadas entrevistas e processos seletivos, e uma sala para reunião.
 
O atendimento ao candidato, a ser realizado no andar térreo, também terá painel eletrônico, novo maquinário e mobiliário, além de todos os ambientes climatizados. O funcionamento da sede é de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, mediante distribuição de senhas, que são entregues a partir das 6h30. Já o CEM mantém os atendimentos de orientação e formalização para os microempreendedores individuais (MEI), micro empresa (ME) e empresa de pequeno porte. O serviço realiza ainda regularização, qualificação, intermediação de crédito, facilitação e fomento para quem deseja abrir, manter ou expandir o próprio empreendimento. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.(Correio)


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h06m
 
 
O mercado imobiliário da capital baiana tem um novo vetor de crescimento. A chamada Orla Atlântica, entre os bairros de Jardim Armação e Itapuã, é atualmente uma das áreas com maior número de lançamentos e oferta de empreendimentos em Salvador. As incorporadoras apostam na região, que cresce com a oferta de serviços proporcionados aos novos moradores, que também buscam viver mais próximos da natureza, sem abrir mão de facilidades da vida moderna.
 
A demanda na região cresce na proporção em que também aumenta a preocupação com a qualidade de vida. A Orla Atlântica recebeu melhorias nos últimos anos, a exemplo das intervenções realizadas em áreas como Jardim de Alah, Armação, Boca do Rio, Piatã e Itapuã, com a implantação de diversos equipamentos de lazer, entretenimento e integração social, a exemplo de praças esportivas, ciclovias, quiosques, entre outros.
 
Vias de acesso, como as Avenidas Pinto de Aguiar e Orlando Gomes, também receberam investimentos, melhorando o fluxo de veículos e facilitando a mobilidade para a Orla Atlântica. A expansão das duas vias possibilitará, futuramente, a implantação de um corredor transversal, que possibilitará o deslocamento direto até a BR 324 e ao Subúrbio. E, em breve, elas também criarão facilidades para o acesso dos moradores dos bairros da região ao metrô na Avenida Paralela. 

A região conta hoje com diversas escolas, faculdades, supermercados, restaurantes e está próxima de grandes shoppings centers, do Centro Administrativo da Bahia e do Aeroporto de Salvador. Melhor ainda, para os moradores, é estar de frente para algumas das praias mais frequentadas da capital baiana e contar com toda a energia e o verde do Parque de Pituaçu, a maior reserva ecológica de Salvador. 


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
28/03 - 07h04m
 

 
Com mais de quatro milhões de consumidores negativados junto ao Serasa, o estado da Bahia é o quarto maior em número de inadimplentes, ficando atrás apenas de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. A oportunidade para todos esses baianos renegociarem suas dívidas com até 90% de desconto começou ontem e vai até domingo (2). É o Feirão Liquida Dívidas, evento de recuperação de crédito promovido pelo SerasaConsumidor em todo o país.
 
Na Bahia, o evento será apenas online, por meio do site www.serasaconsumidor.com.br, e de canais exclusivos de telefone. Vinte e duas empresas participam do Feirão no país todo. Entre elas estão: Sky, Qualicorp, Honda; operadoras financeiras como Caixa Econômica, Itaú e BV Financeira; e operadoras telefônicas Oi e TIM.

De acordo com dados do Serasa, em janeiro deste ano o país contabilizava 59,7 milhões de inadimplentes, número recorde para um começo de ano desde 2013. As dívidas atrasadas desses consumidores somavam R$ 270 bilhões no período. E o montante não é pequeno. Na região Nordeste, a média de cada dívida chega a R$ 3.343 por cada pessoa com o nome sujo.

Ao saber do Feirão, a aposentada Tânia Regina 63 anos, foi até a Câmara de Dirigentes Lojistas de Salvador (CDL) para consultar sua situação junto ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC). Ela conta que tem dívidas com a Caixa Econômica por conta de cartão de crédito e empréstimo pessoal e vai tentar o acordo. “Passei por um problema de saúde e não tive condições de pagar as dívidas. No início o débito era de R$ 2 mil. Vou tentar um acordo e ver o que eles podem me oferecer”, disse. 
 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 19h59m


 

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) voltou a registrar mais uma queda no número de assinantes de TV paga em fevereiro deste ano, sendo a Bahia o terceiro estado com maior redução percentual: 1,15%. De acordo com a  Anatel, a TV por assinatura tinha 18,6 milhões de clientes no país, mas no segundo mês do ano apresentou uma diminuição de 0,51% em relação a janeiro. Nos últimos 12 meses, a redução chegou a 2,02%.
 
Sergipe foi estado líder na queda do percentual no número de usuários, com redução de 3,67%, seguido de Pernambuco, com 1,58% assinantes a menos, e da Bahia, com diminuição de 1,15%. (M1)
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 19h43m


 

A Câmara Municipal de Salvador (CMS) irá recorrer da decisão tomada pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) que considerou irregular o pagamento de gratificações a policiais militares, que ocupam cargos na assistência militar da Câmara de Salvador.
 
O presidente da casa, Léo Prates (DEM), afirmou que tentará também regulamentar o pagamento. “Vamos recorrer e depois regularizar”, afirmou Prates, dizendo, ainda, que considera justas as gratificações.
 
 TCM – a Corte multou em R$ 2 mil o ex-presidente da CMS, Paulo Câmera (PSDB) por gastar, em 2015, R$50.701,45 em gratificações para PMs. 
 
A relatoria constatou a existência de irregularidade nos atos administrativos de cessão dos policiais militares, uma vez que não foram devidamente formalizados.
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 19h29m


 

Preocupados com a possibilidade de se avançar ações no Judiciário contra a reforma da Previdência, integrantes da cúpula do governo se reuniram na tarde desta segunda-feira, 27, com líderes da base aliada para discutir o tema.
 
O encontro estava previsto para o final da tarde de hoje (27) no Palácio do Planalto conduzida pelo ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. 
 
Apesar dos discursos realizados na semana passada, por parte de integrantes da base, de que a retirada dos servidores municipais e estaduais da proposta diminuirá a pressão nos redutos eleitorais, dentro do governo ainda se busca um caminho para viabilizar tal medida. 
 
Um dos pontos que ainda causa controvérsia é a previsão constitucional de que é prerrogativa da União estabelecer as regras gerais de Previdência de servidores públicos. Se esse entendimento for pego ao pé da letra poderá ser considerado inconstitucional a decisão de Temer de transferir aos Estados e municípios uma iniciativa que, em tese, compete ao governo federal. (Estadão)
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 19h14m


 

Nesta segunda-feira (27), o membro da Coordenação Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e da Frente Povo Sem Medo, Guilherme Boulos, revelou que as centrais sindicais definiram que no dia 28 de abril de 2017 vão dar início a uma greve geral.
 
“As centrais sindicais acabaram de definir greve geral no dia 28 de abril contra as reformas da Previdência e trabalhista. O Brasil vai parar”, escreveu Boulos no Twitter. (M1)
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 19h07m


 

Após denúncias de possíveis irregularidades na Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), em abril de 2016, o empresário Mário Augusto Rocha Pithon foi expulso do cargo de vice-presidente da entidade. A defesa do empresário alegou que a expulsão aconteceu de forma autoritária e ilegal, sem que fossem respeitados seus direitos e garantias fundamentais. 
 
A Justiça baiana decidiu, então, em despacho publicado nesta segunda-feira (27), pela volta de Pithon ao cargo: "diante do exposto, concedo a tutela requerida para determinar a imediata reintegração do agravante aos quadros da Fieb, exercendo suas antigas funções de vice-presidente e delegado efetivo da Federação”.
 
Porém, procurada, a Fieb informou que até o momento “não foi intimada da decisão da desembargadora Rosita Falcão de Almeida Maia, que supostamente, teria determinado a reintegração de Mário Augusto Rocha Pithon”. 
 
A nota oficial também esclarece o posicionamento da entidade com relação ao afastamento de Pithon: “A FIEB tem convicção da regularidade dos procedimentos adotados no episódio que culminou com o afastamento do então vice-presidente. Quando tiver a oportunidade de apresentar a sua defesa, ficará claro para a desembargadora, como está para o Conselho de Representantes da Federação, que o processo seguiu todos os trâmites legais e estatutários”. (BN)
 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 18h58m

 
O presidente da República, Michel Temer, quer dar um prazo de seis meses para que os governos estaduais e municipais aprovem uma reforma previdenciária para seus servidores. O governo federal fará uma emenda ao texto que tramita no Congresso Nacional, adicionando essa sugestão. De acordo com a nova proposta, estados e municípios se submeterão à regra federal, que atualmente tramita na Câmara dos Deputados, caso não façam a própria reforma no tempo determinado.
 
Na semana passada,Temer anunciou que estados e municípios seriam retirados do projeto de reforma que tramita na Câmara, por meio da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016. A avaliação do Planalto e dos deputados federais é que os governadores estavam “muito à vontade”, sem precisar passar pelo desgaste de rever seus próprios sistemas de Previdência. A saída dos servidores municipais e estaduais poderá acelerar os debates e a tramitação do projeto, na avaliação do governo.
 
A ideia de definir um prazo para que os entes federados organizem suas propostas surgiu de uma reunião ocorrida nesse fim de semana entre o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e o secretário da Previdência Social, Marcello Caetano. O objetivo é fazer com que as mudanças ocorram mais rápido em todo o país. Na prática, a emenda ao texto, se aprovada, vai pressionar governadores e prefeitos, uma vez que os servidores estaduais e municipais vão lutar pela aprovação de uma reforma mais benéfica do que a oferecida pelo texto federal. 
 
A comissão especial da reforma da Previdência, que está tratando da PEC 287/2016, realizará na próxima terça-feira (28) sua última audiência pública. O tema da discussão será os impactos da reforma da Previdência para o orçamento público do país.As propostas de mudanças na Previdência devem ser debatidas também nas comissões da Seguridade Social e Família e na de Defesa dos Direitos do Idoso. Os presidentes das respectivas comissões já declararam que a reforma será um dos temas prioritários ao longo de todo o ano na definição de pautas dos colegiados.

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 18h35m

 
As escolas deverão enviar dados da educação básica para o Censo Escolar de 2017 a partir do dia 31 de maio. A coleta será feita pela internet, pelo sistema Educacenso. O prazo para que os dados sejam enviados vai até 31 de julho. O calendário do Censo Escolar da Educação Básica de 2017 foi publicado hoje (27) no Diário Oficial da União.
 
Caberá aos diretores, responsáveis pela escola ou pelo sistema educacional informatizado o envio dos dados. Mais informações podem ser obtidas no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).O Inep enviará os dados preliminares ao Ministério da Educação (MEC), para publicação no Diário Oficial da União, em 17 de agosto. A partir dessa data, as informações ficarão disponíveis para conferência dos gestores municipais e estaduais.
 
Após essa fase, em 14 de dezembro, o Inep encaminhará os dados resultantes das correções e verificações do Censo Escolar da Educação Básica/2017 ao Ministério da Educação para publicação final no Diário Oficial da União. A divulgação dos resultados definitivos e dos microdados foi marcada para 31 de janeiro de 2018.
 
O censo escolar é feito anualmente. Contabilizar o número das matrículas é fundamental para o repasse de recursos e a execução de programas e políticas públicas na área da educação, como a distribuição de livros, o transporte escolar, a instalação de bibliotecas e o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 18h17m


 

O volume de vendas do varejo nacional deve cair 3,6% entre setembro do ano passado e setembro deste ano, de acordo com estimativa do Instituto de Economia da Associação Comercial de São Paulo (ACSP).  Apesar da previsão de queda, a estimativa indica uma recuperação de 3 pontos percentuais em um ano. No período anterior (setembro de 2015 a setembro do ano passado), o volume de vendas do comércio varejista brasileiro recuou 6,6%.
 
“A perspectiva é de uma recuperação lenta do varejo nos próximos meses, mas ainda no campo negativo. O aumento do desemprego, a queda na renda do trabalhador e a escassez de crédito dificultam uma retomada mais rápida”, disse o presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo, Alencar Burti. Segundo Burti, o ano de retomada do setor varejista será 2018, quando taxas expressivas de crescimento devem voltar a ser registradas. “O ano de 2017 é de transição: estamos superando os efeitos da crise. No ano que vem, tudo sinaliza para tempos melhores.”
 
Para o professor da Escola Brasileira de Economia e Finanças da Fundação Getulio Vargas Antonio Porto, a variação do volume de vendas do varejo será mais positiva que a expectativa da Associação Comercial porque a economia está se recuperando, com melhorias visíveis para o mercado interno.“O consumidor está com mais segurança, o empresário está com mais segurança. Há queda de juros, perspectiva de recuperação de emprego, porque já se começou a gerar um pouco de emprego. Não chega a crescer muito porque a queda no ano anterior foi tão grande que zerou até setembro. Não vejo queda continuada, vejo recuperação.”

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 17h47m


 

O presidente da Associação de Moradores e Amigos da Barra (Amabarra), Waltson Campos, criticou, na tarde desta segunda-feira (27), a fiação exposta nas ruas do bairro e o “excesso” de dias de carnaval na capital baiana. As críticas foram feitas no primeiro encontro do projeto Câmara intinerante.
 
Segundo Campos, a obra de revitalização do bairro contemplava fiação embutida, o que não aconteceu. “Se teve um dinheiro público com custo para isso, por que não embutiu?”, disse. As obras na barra foram concluídas há quatro anos.
 
Sobre o carnaval, o representante da Amabarra defendeu um “modelo diferente” para a festa, que não fechem as ruas e inviabilizem o comércio.  “Não queremos carnaval de trio, camarote e com exploração”, condenou. (BA)
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 17h27m


 

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga irregularidades nas concessões de benefícios fiscais repassados a ações culturais por meio da Lei Rouanet ouve, na tarde desta terça-feira (28/3), o sócio-administrador da produtora Ciel, Claudio de Oliveira Inácio Junior.
 
O Ministério da Cultura pede que a cantora devolva R$ 1,2 milhão aos cofres públicos - dinheiro captado por meio da Lei Rouanet. Já que, segundo o órgão, produtora não cumpriu regras legais de distribuição e venda de ingressos. A defesa da empresa que todos os eventos foram realizados e tem como provar.
 
Em outubro de 2016, a Ciel teve rejeitada a prestação de contas de um projeto de shows da cantora Claudia Leitte, pelo Norte, Nordeste e Centro-Oeste, que havia sido autorizado a captar recursos via Lei. (CB)
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 17h18m


 

A necessidade de restauração do Museu de Ciência e Tecnologia da Bahia foi discutida nesta segunda-feira (27) pelo deputado Marcelino Galo (PT) com o secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado, Vivaldo Mendonça. O MC&T é o primeiro Museu de Ciência e Tecnologia da América Latina.
 
Na audiência, Galo defendeu que o Museu precisa ser “restaurado de forma imediata” dado o grau de degradação no qual se encontra. Inaugurado em 1979.
 
 “No museu há registros sobre os biomas mais importantes da Bahia, fundamentais para o estudo e para a pesquisa científica”, afirmou Galo, que defende a utilização do equipamento para popularizar a ciência entre os jovens baianos.
 
O secretário Vivaldo Mendonça garantiu que a revitalização será uma de suas prioridades e que irá tratar do assunto ainda esta semana com o governador Rui Costa. (Tribuna)
 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 16h56m

 
Na tarde desta segunda-feira (27), ol Governo do Estado firmou contrato de operação de crédito com o município de Barreiras, na região oeste. A linha de crédito, no valor de R$ 18,2 milhões, vai contemplar obras de infraestrutura no bairro Morada da Lua e loteamento São Paulo. 
 
O contrato foi assinado pelo governador Rui Costa, pelo presidente da Desenbahia, Otto Alencar Filho, e pelo prefeito de Barreiras, João Barbosa de Souza Sobrinho, conhecido como Zito Barbosa, na sala de reuniões da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador."Estes investimentos têm um impacto muito grande na vida das pessoas, em especial as mais carentes. No caso de Barreiras, que vai investir em pavimentação e drenagem, eles fazem uma diferença grande para a população", afirma Otto Alencar Filho. 
 
De acordo com Zito Barbosa, do total, R$ 11 milhões serão aplicados em serviços de drenagem e R$ 7 milhões em pavimentação. "Este recurso é de uma importância imensa para Barreiras e, principalmente, para os locais que serão beneficiados: bairro Morada da Lua e loteamento São Paulo. A população destes dois bairros espera essas obras há 20 anos. Agora conseguimos este financiamento junto à Desenbahia, que vai resolver definitivamente os problemas de drenagem nos dois lugares", explica. 
 
Com prazo de 18 meses, as obras abrangem a pavimentação asfáltica de uma área de 36,4 mil metros quadrados, além da construção de passeios em concreto, rampas de acessibilidade, piso tátil e sinalização.  Otto Alencar Filho ressalta que a Desenbahia financia pequenas e grandes obras municipais, incluindo a área de infraestrutura hídrica. "Se o município precisa investir na segurança hídrica,  nós podemos financiar. E financiamos também o projeto; ou seja, se a prefeitura não pode financiar um projeto grande de infraestrutura, ela pode financiar com a gente o projeto e captar esse recurso junto ao Estado ou ao governo federal", acrescenta.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 16h30m

 
Os professores de Feira de Santana, a cerca de 100 km de Salvador, seguem com as atividades paradas nesta segunda-feira (27). Eles suspenderam as aulas por 10 dias em protesto contra a Reforma da Previdência, mas nesta segunda-feira, quando o trabalho seria retomado, a categoria definiu pela continuidade da greve, por tempo indeterminado.
 
Os profissionais pedem reajuste salarial, reformulação do plano de carreira, além da contratação de novos profissionais. Nesta tarde, os professores ocupam a sede da Secretaria da Fazenda da cidade, com o objetivo de fazer as reivindicações. "Nós queremos um reajuste de 7,64 %, mas já recebemos uma proposta da prefeitura. O que queremos agora é que eles vejam o plano de carreira, que é muito antigo. Estamos na Secretaria da Fazenda para forçar a negocição do plano, oficialize as horas extras e falam a contratação de mais professores", disse Marlede Oliveira, presidente da APLB.
 
Nesta segunda-feira, o prefeito José Ronaldo anunciou que o ponto dos professores que não forem trabalhar deve ser cortado. Segundo o gestor, mais de 70% das escolas funcionaram durante a paralisação de 10 dias. O prefeito disse que a gestão municipal não tem como arcar com novas despesas que seriam geradas pelas mudanças no plano de carreira reivindicadas pela APLB.

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 16h30m



Os portos públicos baianos fecharam o primeiro bimestre de 2017 movimento cerca de 1,7 milhão de toneladas, um aumento 5,2% em relação ao mesmo período do ano anterior.
 
O Porto de Salvador, que a cada dia amplia sua movimentação, apresentou incremento de 13,2% em movimentações, enquanto que o Porto de Aratu-Candeias ampliou em apenas 2,8% sua movimentação, sempre em relação  aos dois primeiros meses de 2016.
 
No balanço bimestral, os graneis sólidos revelaram os mais expressivos índices, com elevação de 53%. Nessa categoria vale frisar o destaque para importação de trigo, no Porto de Salvador, e de fertilizantes, no Porto de Aratu-Candeias. Somam-se a essas as cargas conteinerizadas, petroquímicas e de minérios.
 
Já o Porto de Ilhéus registrou 33 mil toneladas, sendo que os principais produtos foram o cacau em amêndoa, Magnesita e óxido de magnésio,  além da chegada de 10 navios de cruzeiros, levando à cidade mais de 36 mil visitantes nestes dois primeiros meses do ano. As informações são da Codeba. 

.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 16h15m

 
Salvador completa mais um aniversário em 29 de março e, como parte das comemorações, o público poderá conferir gratuitamente, a partir desta segunda-feira (27) a exposição ‘Salvador 468 anos: Uma Viagem no Tempo’. A mostra itinerária celebra o aniversário da capital baiana levando fotos históricas e postais do acervo do Museu Tempostal para pontos de metrô da cidade entre os dias 29 de março e 7 de abril: Na Estação Lapa, de 27 a 29 de março, Estação Acesso Norte, entre os dias 30 de março e 1° de abril, na Estação Pirajá, de 2 a 4 de abril e Estação Rodoviária entre os dias 5 e 7 de abril. 
 
Para a coordenadora do museu, Luzia Ventura, o objetivo é apresentar à população uma visão panorâmica da cidade. “Os museus se responsabilizam em preservar e divulgar a memória material de nossa história. Estamos trazendo 10 totens e 20 lâminas com imagens dos séculos XIX e XX para mostrar às pessoas a arquitetura e o urbanismo dessa época, tornando possível que elas conheçam mais sobre a história e cultura de nossa cidade através das transformações que aqui aconteceram do passado ao presente”, afirma.
 
Os painéis retratam momentos históricos como a Colônia e expansão do Centro Antigo, nos bairros do Comércio e Pelourinho e bairros do entorno, Nazaré, o Antigo Dique e Barra. A mostra é fruto de uma parceria iniciada em 2016 entre o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), a Diretoria de Museus (Dimus) e a concessionária responsável pela construção e operação do Metrô, a CCR Metrô Bahia, que prevê a realização de uma série de atividades nas estações do sistema metroviário durante o ano de 2017.
 
De acordo com Fátima Soledade, responsável pelo Núcleo de Articulação da Dimus, as ações têm como objetivo aproximar as pessoas dos museus. “São ações educativas e culturais. Queremos que a população conheça mais a cidade e mais sobre os projetos e atividades que nós temos disponíveis. As estações são lugares interessantes para isso. As pessoas param e olham e acabam estimuladas a procurar e visitar nossas áreas”, explica.

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 15h50m


 

O conselho de administração da Petrobras aprovou a manutenção de Pedro Parente no cargo de presidente-executivo da companhia, para um mandato de dois anos, segundo comunicado divulgado nesta segunda-feira (27), em referência a uma reunião realizada na véspera. 
 
O comunicado destacou que Parente havia sido eleito para o cargo a partir de 31 de maio de 2016, substituindo Aldemir Bendine.
 
Parente ocupou o cargo da presidência como uma das medidas do presidente Michel Temer, que assumiu o Palácio do Planalto no ano passado em meio ao processo de impeachment de Dilma Rousseff.
 
A assessoria de imprensa da companhia informou que o novo mandato de Pedro Parente começou a valer no domingo e vai até 26 de março de 2019. (G1)
 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 15h31m
 

 
Segundo números divulgados pela Secretaria da Receita Federal nesta segunda-feira (27). A arrecadação de impostos e contribuições federais registrou novo crescimento em fevereiro deste ano. Esse foi o segundo mês seguido de aumento. Foram arrecadados R$ 92,35 bilhões em fevereiro, o que representa uma queda real de 0,62% frente ao mesmo mês do ano passado, quando somou R$ 92,03 bilhões. Os números já estão corrigidos pela inflação. Foi o melhor resultado para meses de fevereiro desde 2015 - quando somou R$ 104 bilhões.
 
Assim como em janeiro deste ano, a arrecadação cresceu, no mês passado, principalmente por conta do aumento de 32,49%, em termos reais, nas receitas não administradas pelo Fisco, que somaram R$ 1,64 bilhão. No mesmo mês do ano passado, elas haviam somado R$ 1,24 bilhão (valores corrigidos). As receitas não administradas são aquelas que vêm de cobranças feitas por outros órgãos do governo, que não a Receita Federal. O resultado de janeiro se deve principalmente ao aumento das receitas com "royalties" do petróleo.
 
Os números do Fisco mostram que a arrecadação também cresceu no primeiro bimestre deste ano, quando somou R$ 229,75 bilhões. O aumento real, contra o mesmo período de 2016, foi de 0,62%, em termos reais, contra o mesmo período do ano passado. O aumento da arrecadação no primeiro bimestre, embora pequeno, ajuda o governo tentar atingir a meta fiscal. Para todo ano de 2017, o objetivo foi fixado em um déficit primário (despesas maiores do que receitas, sem contar os juros da dívida pública) de até R$ 139 bilhões para as contas do governo.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 15h10m


 

O Serviço de Intermediação de Mão-de-Obra (SIMM), que também abriga o Centro do Empreendedor Municipal (CEM), terá nova sede inaugurada pela Prefeitura nesta terça-feira (28), às 9h, no Edifício Ouro Preto, na Rua Miguel Calmon, 506, Comércio (ao lado do Cartório de Registro Civil de Tabelionatos de Notas – 5º Ofício). A cerimônia contará com as presenças do prefeito ACM Neto e do secretário municipal do Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), Geraldo Junior.
 
Com a modernização, a nova instalação do SIMM terá a capacidade de atender o dobro de usuários – que na estrutura antiga era de 640 pessoas em média. Dentre as novidades, a nova sede do SIMM vai contar com todos os ambientes climatizados e dois auditórios, sendo um com capacidade para 30 e outro para 60 pessoas. Além disso, haverá uma sala para atendimento individualizado de psicologia, onde serão realizadas entrevistas e processos seletivos, e uma sala para reunião.
 
O atendimento ao candidato, a ser realizado no andar térreo, também terá painel eletrônico, novo maquinário e mobiliário O funcionamento da sede é de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, mediante distribuição de senhas, que são entregues a partir das 6h30.Já o CEM mantém os atendimentos de orientação e formalização para os microempreendedores individuais (MEI), micro empresa (ME) e empresa de pequeno porte. O serviço realiza ainda regularização, qualificação, intermediação de crédito, facilitação e fomento para quem deseja abrir, manter ou expandir o próprio empreendimento. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
 
Além da sede localizada no Comércio, o público conta ainda com um ponto de atendimento do SIMM na Estação Ferroviária da Calçada, nas instalações da Agência da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE). O horário de atendimento é das 8h às 14h.Quem preferir, pode comparecer a um dos postos situados nos bairros de Cajazeiras, na Estrada do Coqueiro Grande, 1.902; Boca do Rio, na Rua Abelardo Andrade de Carvalho, 141, anexo ao Colégio Imeja; e Cabula VI, na Praça da Mangueira, 84. Uma terceira opção é seguir para as Prefeituras-Bairro Centro/Brotas, Cabula, Cajazeiras, Cidade Baixa, Itapuã, Pau da Lima e Subúrbio/Ilhas, para realização de cadastro, busca por vagas e encaminhamento para seleções.

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 14h49m
 

 
Na semana em que o presidente Michel Temer anunciou que os servidores dos Estados e municípios ficariam de fora da reforma da Previdência, um estudo mostra o tamanho do problema deixado para os governadores. Atualmente, as previdências do Distrito Federal e de 22 dos 26 Estados operam no vermelho. Em apenas seis anos – entre 2009 e 2015, último dado disponível –, o rombo passou de R$ 49 bilhões para R$ 77 bilhões, em valores atualizados pela inflação. Para pagar os aposentados, os Estados usam o dinheiro do seu caixa. A parcela da receita comprometida com a Previdência, na média, subiu de 9,5% para 13,2%. Santa Catarina, Minas Gerais e Rio Grande do Sul já gastam mais de 20% da receita com Previdência (ver quadro).
 
Os números que mostram a nova dinâmica de gastos, Estado por Estado, constam de uma nota técnica do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). Três fatores levaram à deterioração acelerada, explica um dos autores do trabalho, Claudio Hamilton Matos dos Santos, técnico de Planejamento e Pesquisa da área macroeconômica do Ipea. O primeiro deles até contraria outros levantamentos: o número de funcionários na ativa está caindo – o que leva à redução das pessoas que contribuem com a Previdência. Na média, a retração foi de 3,6% em sete anos. Mas, em alguns Estados, foi bem maior porque os governadores tentam cortar despesas reduzindo a máquina pública. No Rio Grande do Sul, houve corte de 18% no pessoal. Em São Paulo, de 12%.
 
Por outro lado, ocorre uma aceleração nos pedidos de aposentadorias. O número de inativos cresceu 25% entre 2009 e 2015. Há Estados em que o ritmo foi frenético. No Acre e Tocantins, o número de aposentados praticamente dobrou. O terceiro fator foi pontual, mas nefasto: houve reajustes generalizados nos salários dos servidores, que foram repassados, em sua maioria, integralmente para os aposentados. Não há espaço para mais reajustes, mas o número de aposentados vai continuar a crescer e o de servidores, a cair. “Esse descompasso não vai apenas aumentar o déficit, mas também prejudicar a qualidade dos serviços públicos dos Estados”, diz Claudio Hamilton, do Ipea.



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 14h41m
 

 
O secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, disse a jornalistas nesta segunda-feira que a instituição está avaliando o impacto da lei que permite a terceirização na arrecadação de impostos do governo. Ele reconheceu que poderá haver redução, especialmente das contribuições previdenciárias, porque os salários de empregados terceirizados tendem a ser menores. Por outro lado, Rachid ressaltou que a terceirização "gera um dinamismo na economia", que poderá ter impacto positivo na arrecadação, pois a expectativa é que aumentem as contratações. 
 
Na semana passada, a Câmara aprovou um projeto de 1998 que permite a terceirização irrestrita de todas as atividades de uma empresa e que agora está nas mãos do presidente Michel Temer para ser sancionado. Ao ser questionado sobre a alta de impostos que deve ser anunciada nesta terça-feira pelo ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, Rachid preferiu não comentar o tema. O secretário da Receita participou de evento nesta segunda-feira do programa "Empreenda Fácil", lançado no início do mês pela prefeitura de São Paulo em parceria com os governos estadual e federal para reduzir o tempo de abertura de empresas e estimular os negócios. O objetivo é reduzir, a partir de maio, o prazo de cerca de cem dias para sete dias. Até o junho de 2018, a meta é diminuir para cinco dias e depois para dois  dias até dezembro do ano que vem. 
 
No encontro, também estavam presentes os participantes da pesquisa "Doing Business", do Banco Mundial. O objetivo do evento foi mostrar o Programa Empreenda Fácil com a expectativa de que a iniciativa melhore a percepção daqueles que responderam à pesquisa sobre o ambiente de negócios brasileiro. Rachid elogiou o programa e lembrou da importância das repostas ao formulário, já que investidores tomam decisões baseadas na pesquisa. 


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 14h36m
 
 
O ex-ministro da Previdência, Carlos Gabas, estará na Bahia hoje (27) e terça-feira (28) para participar de debates sobre a reforma previdenciária, a convite da CUT Bahia, em parceria com outras demais sindicais do estado. O evento, batizado de ““Reforma da Previdência, um Golpe nos Direitos dos Trabalhadores”, terá a participação de parlamentares baianos, dirigentes sindicais, trabalhadores e é aberto ao público. Nesta segunda, o debate será no auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente na Bahia (Sindae), nos Barris, em Salvador,  a partir das 18h. 
 
Já nesta terça, a discussão será Centro Cultural Amélio Amorim, Av. Presidente Dutra, Feira de Santana-BA, partir das 9h. Gabas fará uma explanação sobre o tema, abordará aspectos alegados pelo governo federal para a reforma (como que o sistema de previdência é insustentável) e a mudança na proposta, que não incluirá mais servidores estaduais e municipais. “A exclusão dos servidores estaduais e municipais é uma farsa do governo para dividir trabalhadores”, afirma o ex-ministro.

Em entrevista ao Portal Bahia Econômica o presidente da CUT Bahia afirmou que o evento tem uma importancia impar para a pauta que está sendo debatida no congresso nacional. "Precisamos fazer uma reflexão dos motivos que levam um governo a propor a quase destruição de um sistema de seguridade social tão importante para dezenas de milhões de pessoas e quem ganha com essa proposta. É bom lembrar que em 2012 quando o governo Dilma tentou reduzir as taxas de juros para incentivar o crédito, representantes de bancos disseram que o crédito tinha pouco espaço para crescer e que os resultados destas instituições financeias passariam a ser cada vez mais apoiados nas áreas de seguros e previdência privada”, lembra Cedro alertando a população do golpe". 

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 13h42m
 

 
Integrante da lista de parlamentares que votaram contra a terceirização irrestrita nas empresas, que atinge também o serviço público, o deputado federal Bacelar (PTN-BA) tem usado as redes sociais para alertar sobres os riscos da medida, que, na visão dele, vai precarizar o já combalido mercado de trabalho.Segundo Bacelar, a suspensão das restrições aos serviços terceirizados significa um retrocesso na legislação e ameaça o direito de greve dos trabalhadores, que poderão ser substituídos por funcionários temporários, em caso de paralisação.
 
Outro ponto ressaltado pelo deputado é a falta de proteção social aos empregados que ganham os menores salários. ” Essa proposta é antissocial por natureza e não cria relações estáveis. Ela tem como objetivo a contratação mais barata, negando direitos. Daqui a pouco vão obrigar o trabalhador a virar pessoa jurídica, abrindo mão de férias, licença-maternidade e outros benefícios”, declarou.O petenista defende a reforma da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), criada na década de 1930, para flexibilizar e estimular a contratação de mão de obra. ”

Em vez de propor a atualização das leis trabalhistas, o governo Temer tenta driblar o problema, com uma medida que não dá esperança ao trabalhador brasileiro. Afinal, quem irá contratar uma pessoa que reclama, que não abaixa a cabeça e ainda custa o dobro?”, provocou Bacelar.(TB)


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 13h32m
 
 
Os trabalhadores do Judiciário baiano vão paralisar as suas atividades durante 48 horas até a próxima semana. A suspensão dos serviços ocorrerá nesta terça-feira (28) e na quarta (29). A paralisação começa a partir das 7h, com mobilização em frente ao Fórum Regional do Imbuí, conforme ficou decidido na última assembleia da categoria.
 
Já na próxima semana, as mobilizações acontecerão também nos dias 5 e 6 de abril, tendo como limite o dia 10 do mesmo mês, quando a coordenadoria do Sindicato dos Servidores dos Serviços Auxiliares do Poder Judiciário do Estado da Bahia (Sintaj), sindicato responsável pelas paralisações, se reunirá com a presidente do TJ-BA, Maria do Socorro Barreto. O Sintaj representa os servidores dos Juizados Especiais e da Infância e Juventude e das secretarias do Tribunal.

Conforme nota da categoria, a ação tem como objetivo reivindicar o pagamento do reajuste linear, da Vantagem Pessoal de Eficiência (VPE) – antiga GEE – aos servidores que não a recebem, a regulamentação das férias e tratamento isonômico a todos os membros da Corte.(BA)

 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 13h14m
 

 
Um vazamento de água deixa o trânsito congestionado na Avenida Manoel Dias da Silva, na Pituba, na manhã desta segunda-feira (27). De acordo com a Superintendência de Trânsito, equipes do órgão monitoram o tráfego e a Embasa já atua para solucionar o problema na região. Segundo a Transalvador, o congestionamento já chega à Avenida Octávio Mangabeira, orla da cidade, nas imediações do antigo Bambara.


 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 13h06m
 
 
Segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Com um quadro de apenas 274 defensores públicos em atuação, o estado da Bahia tem um déficit de quase mil profissionais da área, ). O cálculo do número ideal é feito a partir do número de pessoas que ganham até três salários mínimos em cada unidade federativa e não teriam poder aquisitivo para contratar assessoria jurídica particular. O quadro atual também é três vezes menor do que o ideal conforme a Lei Orgânica da Defensoria Pública da Bahia (DPE), sancionada em 2006, que estabelece a necessidade de 583 profissionais. De acordo com o levantamento do Ipea, o estado fica atrás apenas de São Paulo e Minas Gerais em relação ao déficit de defensores.



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 12h50m

 
As emissões de novos títulos pelo Tesouro Direto somaram US$ 1,78 bilhão em fevereiro, informou o Tesouro Nacional nesta segunda-feira (27). Já os resgates somaram R$ 900 milhões no mês passado.

 “Os títulos mais demandados pelos investidores foram os indexados ao IPCA (Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais), cuja participação no volume total de investimentos atingiu 50,3%. Os títulos indexados à taxa Selic (Tesouro Selic) corresponderam a 26,5% do total e os prefixados (Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com Juros Semestrais), a 23,3%”, informou o governo.

Em fevereiro, 50.478 novos investidores se cadastraram no Tesouro Direto, que alcançou, no total, 1.249.281 investidores - aumento de 85% em relação ao mesmo mês do ano passado.

Já o saldo total (estoque) de títulos em mercado alcançou o montante de R$ 42,9 bilhões em fevereiro, um aumento de 3% em relação a janeiro (R$ 41,7 bilhões) e de 53,2% sobre fevereiro de 2016 (R$ 28,0 bilhões). (G1)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 12h38m


O Ministério das Cidades reduziu o montante de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que deverá ser aplicado na área de saneamento básico em 2017, de um total global de até R$ 18 bilhões para até R$ 12 bilhões. A decisão consta de instrução normativa da pasta publicada nesta segunda-feira, 27, que modifica valores do orçamento operacional do Fundo definidos em janeiro deste ano.
 
Com as mudanças, a Caixa, agente operador do FGTS, deverá destinar até R$ 6 bilhões para operações de crédito do Programa Saneamento para Todos, valor inferior aos R$ 9 bilhões inicialmente previstos.

Para operações de crédito com mutuários do setor público, o valor deverá ser de até R$ 3,3 bilhões, e não mais até R$ 5 bilhões. Já o valor a ser alocado para operações de crédito com mutuários do setor privado passará para até R$ 2,7 bilhões, ante os R$ 4 bilhões definidos em janeiro. A IN do Ministério das Cidades está publicada no Diário Oficial da União (DOU). (Estadão)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 12h19m

 

A Bovespa opera em queda nesta segunda-feira (27), com o cenário externo desfavorável a ativos de risco. No entanto, as ações da JBS e da BRF se destacam entre os maiores ganhos do dia, após China, Egito e Chile reabrirem mercado para carne brasileira.

Às 11h18, o Ibovespa, principal indicador da bolsa, caía 0,77%, aos 63.362 pontos. Perto do mesmo horário, a Vale era umas das principais quedas do dia, caindo mais de 4%. Petrobras também ajudava a puxar o índice para baixo, recuando perto de 2%. Na sexta-feira (24), a bolsa subiu 0,51%, aos em 63.853 pontos. (G1)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 12h02m

 
 

O conselho de administração da Petrobras aprovou a manutenção de Pedro Parente no cargo de presidente-executivo da companhia, para um mandato de dois anos, segundo comunicado divulgado nesta segunda-feira (27), em referência a uma reunião realizada na véspera.

O comunicado destacou que Parente havia sido eleito para o cargo a partir de 31 de maio de 2016, substituindo Aldemir Bendine.

Parente ocupou o cargo da presidência como uma das medidas do presidente Michel Temer, que assumiu o Palácio do Planalto no ano passado em meio ao processo de impeachment de Dilma Rousseff. A assessoria de imprensa da companhia informou que o novo mandato de Pedro Parente começou a valer no domingo e vai até 26 de março de 2019. (Reuters)
 

.............................................................................................................................................................................................................................................
27/03 - 11h43m
 
 
O Sindicato das Distribuidoras de Combustíveis da Bahia (SINDICOM-BA) e a Federação do Comércio (FECOMÉRCIO-BA) estarão realizando, no próximo dia 28 de março, das 8:30h às 17h, na Casa do Comércio, o “Seminário de ICMS de Combustíveis, Petróleo e Gás”.
 
O evento reunirá empresas do setor, autoridades, representantes de órgãos públicos e da sociedade civil, e contará com cinco palestrantes, os quais apresentarão temas relevantes para o segmento econômico. Entre os principais assuntos propostos para serem discutidos no Seminário, estão: a substituição tributária efetuada a preços superiores ao de mercado; Convênio ICMS 54/2016; crédito para ressarcimento do ICMS quando se vende para Estado com menor alíquota; cobrança do ICMS sob a variação volumétrica; cálculo do imposto do ICMS na estrutura de custo da gasolina C (mistura do anidro e gasolina A); cálculo do imposto do ICMS na estrutura de custo de diesel B (mistura do diesel A com B100, óleo vegetal); guerra fiscal entre os Estados: diferenças de alíquota para o mesmo produto e alíquota única para cada tipo de combustível em todos os Estados.

O Seminário tem como objetivos: identificar os aspectos anacrônicos da tributação do ICMS de combustíveis; apresentar os procedimentos para o cálculo desse imposto; oferecer subsídios para a simplificação do ICMS, visando uma reforma tributária com a preocupação de não tirar recurso do erário; tornar o imposto fácil de calcular e fácil de ser entendido; encaminhar ao Poder legislativo do Estado e ao da União os resultados do Seminário como base para elaboração de lei específica. 



 
.............................................................................................................................................................................................................................................
Rua Dr. José Peroba, 297, edf. Atlanta Empresarial, sala 1503 - Stiep - Salvador CEP: 41.770 - 235 - Tel: 3037 - 2960