sábado, 20 de julho de 2024
Euro 6.098 Dólar 5.6089

MP RECOMENDA QUE PREFEITURA DE SALVADOR SUSPENDA LEILÃO DE ÁREA NO CORREDOR DA VITÓRIA

LIZANDRA MUNIZ - 06/03/2024 19:45 - Atualizado 06/03/2024

O prefeito Bruno Reis foi notificado pelo Ministério Público da Bahia, para retirar a lista de imóveis a serem leiloados pela Prefeitura de uma área de proteção ambiental no Corredor da Vitória. Além disso, o órgão também recomendou a suspensão do certame.

Segundo o MP, a região é considerada uma área de preservação permanente. Heron José de Santana, 2° promotor de Justiça do Meio Ambiente e Habilitação e Urbanismo, deu um prazo de 10 dias para a gestão municipal enviar as informações sobre a condução das ações recomendadas pelo órgão.

Desde o ano passado, esse projeto vem causando polêmica em Salvador. É sobre uma torre de 25 andares no Corredor da Vitória. O grupo responsável pela obra é a Odebrecht (atual Novonor) e uma empesa que reúne ACM Neto e Sidônio Palmeira, que foi marqueteiro da campanha do presidente Lula no ano passado.

O terreno era do condomínio Mansão Carlos Costa Pinto, que teria cedido o espaço para a prefeitura da capital. A medida teria permitido a inclusão do espaço no pacote de desafetações proposto pela gestão, também sendo aprovado pela Câmara de Vereadores através da Lei n° 9.775/2023.(FB)

 

Foto: Betto Jr/Secom

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.