terça, 25 de junho de 2024
Euro 5.8267 Dólar 5.3936

MOSTRA ‘NOSSOS PIVETES’ REFLETE SOBRE MORTALIDADE NEGRA

LUIZA SANTOS - 16/01/2024 17:07

Natural do Subúrbio Ferroviário, o artista baiano Tiago Sansou apresenta sua mais recente série de pinturas em tela, intitulada “Nossos Pivetes.” Composta por uma coleção de obras em acrílica sobre tela, a série é fruto de uma profunda reflexão do artista sobre a experiência pós-COVID-19 e a complexidade da mortalidade.

A abertura acontece amanhã (17/01), no Atelier Totonho, no Santo Antônio Além do Carmo e segue até o próximo dia 31/01. A visitação é gratuita. “Nossos Pivetes é uma jornada artística que convida o espectador a explorar a profundidade da reflexão sobre a mortalidade por meio de uma estética visualmente cativante e emocionalmente evocativa”, define o artista Tiago Sansou.

Inspirado pelas figuras sem rosto dos “Pivetes”, Sansou mergulha em inspirações e referencialidades na poética estética de Carybé, remetendo aos retratos da vida baiana, enquanto usa o cenário do Subúrbio Ferroviário, pano de fundo de vivências, em diálogo com elementos de Naif do artista Gil Abelha. “Cada pincelada evoca uma narrativa nostálgica, trazendo à tona memórias desprovidas de contornos, em tons predominantemente negros e com raros traços de expressões terrenas nos personagens, resultando em uma estética surrealista única revolvendo negritude e pretitude num turbilhão cromático proporcionando uma experiência imersiva e reflexiva acerca das leituras do artista sobre esse fragmento da realidade soteropolitana”, sintetiza o curador da mostra Rodolfo Carvalho.

Esta série não apenas retrata a vida e a pobreza, mas também recorta temas de raça, fragmentando a percepção do real e revisitando antigos estímulos internos que se perderam daquilo que definimos como infantil, desafiando as convenções estéticas comumente abordadas no universo das artes visuais. O título provocativo, Nossos Pivetes, é uma brincadeira que ressignifica a palavra “Pivete” para expressar o afeto e a conexão, contrastando com o seu contexto pejorativo na periferia.

Foto: Divulgação

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.