ARTIGOS

JOSÉ MACIEL - A TROPICALIZAÇÃO DO TRIGO E A BAHIA

Nos anos 1974-1975, cumprindo uma uma jornada de pós-graduação na UFRGS, em Porto Alegre, presenciamos alguns debates nos meios acadêmicos  e da pesquisa agropecuária a respeito das possibilidades de tropicalização da soja, ou seja, da criação de variedades e tecnologias  que  pudessem se adaptar em outros estados brasileiros de clima tropical, já que a soja é cultura originalmente de clima temperado. Pouco depois, algumas variedades foram desenvolvidas e liberadas pela

ADARY OLIVEIRA - A PARALISAÇÃO DA FORD

O Complexo Industrial Ford Nordeste, também chamado Projeto Amazon, foi inaugurado em outubro de 2001 e este ano estaria chegando aos 20 anos de funcionamento. A Ford instalou-se em Camaçari acompanhada de seus 28 fornecedores sistemistas anunciando o emprego de tecnologia de última geração, alto nível de automação, garantias de elevado padrão de eficiência e qualidade das operações. Além disso, a unidade industrial incorporava modelo de produção inovador de montagem

JOSÉ MACIEL- OS ESTADOS DE OURO DO AGRONEGÓCIO

Na última semana, dia 8 de abril, a Revista EXAME promoveu um oportuno debate em que um dos painéis contou com a presença de 4 governadores de importantes estados do agronegócio nacional: os chefes dos executivos do Rio Grande do Sul, Paraná, Bahia e Mato Grosso. O foco principal da discussão residiu nos planos para apoiar e fomentar a produção agropecuária de seus estados. O governador do Rio Grande do

ADARY OLIVEIRA - UM DIA A VIDA DAQUI SERÁ BEM MELHOR

Não dá para acreditar que aqui é o melhor lugar do mundo para se viver, mas também não se pode negar que existem muitos lugares piores que o nosso. Pelo tempo que vivi, e não foi pouco tempo, pois estou caminhando para comemorar meus 80 anos de vida, posso assegurar que meus anos foram bem vividos. Tenho um neto holandês, residente em Amsterdã, com 26 anos de idade,com graduação emestrado

JOSÉ MACIEL- INTENSIFICAÇÃO E SUSTENTABILIDADE DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA

Nas últimas colunas , abordamos alguns produtos promissores  para a obtenção de Indicação Geográfica na Bahia, a exemplo da carne de bode, doces, geleias e derivados de umbu e banana, esta associada ao município de Bom Jesus da Lapa. Oportunamente, voltaremos ao tema com a inclusão de novas pautas consideradas  igualmente promissoras , utilizando inclusive informações atualizadas fornecidas pelo Sebrae, entidade que vem assessorando os produtores baianos nessa matéria. No

ADARY OLIVEIRA- O AGRONEGÓCIO E O SEMIÁRIDO

O aproveitamento do semiárido como área cultivável e aplicação de espécies produzidas no agronegócio, tem sido objeto de estudos por especialistas ao longo dos anos. No mundo empresarial um negócio para dar resultado econômico precisa ser viabilizado, ao menos e de forma integrada, nas três funções principais da administração: produção, marketing e finanças. Não adianta produzir bem se não houver consumo. Além disso, a produção e a comercialização só se

SAMUELITA SANTANA- O DESAFIO PARA O BOLSHOI BRASIL DANÇAR BRASILEIRO

  “Falta quebrar barreiras. A barreira do biotipo, da cor da pele. Quando tive consciência de que com minha arte posso me expressar com meu corpo e me aceitar do jeito que sou, caiu a ficha: Eu nasci para isso”. Ingrid Silva, bailarina brasileira da Cia Dance Theatre of Harlem, de Nova York.  Única extensão no mundo fora de Moscou o Bolshoi Brasil, instalado na cidade de Joinville (SC), é notoriamente

ADARY OLIVEIRA - A ECONOMIA DE ESCALA

Na indústria de processo contínuo em geral, e na química em particular, costuma-se definir economia de escala como aquela que se obtém ao se estabelecer no processo produtivo arranjo capaz de proporcionar menor custo unitário de fabricação. Diz-se que quanto maior a capacidade de produção de uma fábrica menores são seus custos industriais, o que lhe oferece maior poder competitivo nos mercados. Peter H. Spitz em seu livro “Petrochemicals –

JOSÉ MACIEL - INDICAÇÕES GEOGRÁFICAS, BODE, UMBU E UAUÁ

No  último artigo, salientamos a importância  dos instrumentos de agregação de valor no agronegócio, e destacamos que a Indicação Geográfica (IG) é uma das formas promissoras  para se alcançar tal intento. Pontuamos ainda que existe  um vasto universo de possibilidades na Bahia a serem estudadas , com fins de obtenção da IG junto ao INPI-Instituto Nacional de Propriedade Industrial,  com todos os impactos possíveis já mencionados, como aumento de preços