sábado, 25 de maio de 2024
Euro 5.614 Dólar 5.1764

PETROBRAS NÃO DESCARTA COMPRAR A BRASKEM, ADQUIRINDO AS AÇÕES DA NOVONOR

Redação - 14/05/2024 19:15 - Atualizado 15/05/2024

A Petrobras não descarta uma possível compra da Braskem, embora este não seja o cenário ideal.

É o que se conclui da fala do diretor financeiro e de relações com investidores da Petrobras, Sérgio Caetano Leite, que, em teleconferência com analistas sobre os resultados do primeiro trimestre, disse que a estatal tem uma visão muito clara do negócio e do potencial que a Braskem pode apresentar.

Segundo ele, a aquisição de toda a participação da Novonor, ex-Odebrecht,  na Braskem não é o cenário ideal para a Petrobras, mas que está sendo considerado a aquisição de pequena fatia da Braskem, a fim de elevar a participação da Petrobras dos atuais 47% para “49% ou 50%”, sem que isso cause impacto no endividamento da petroleira.

Mas o executivo não descartou uma eventual aquisição da fatia da Novonor na Braskem.

“A Petrobras não vai deixar o ativo se deteriorar. Não é o cenário ideal para a Petrobras, mas será adotado em caso de necessidade”, afirmou.

Ele afirmou que uma possível compra da Braskem envolveria uma “blindagem” das finanças da Petrobras, mas disse que a compra da empresa pode ser um caminho mais rápido para a internacionalização.

O diretor destacou que a Petrobras já realizou auditoria completa no negócio (“due diligence”) e que pode exercer  o exercício do direito de preferência na compra das ações (“tag along”).

Em agosto  a Petrobras deve fazer  uma proposta para realizar um novo  programa de recompra de 157 milhões de ações preferenciais da empresa.

Recentemente, a Adnoc, um dos últimos interessados na compra da Braskem, retirou proposta de compra.(VE)

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.