terça, 23 de abril de 2024
Euro 5.5465 Dólar 5.1694

BANCO DO NORDESTE SOMA R$ 1,7 BILHÃO EM INVESTIMENTOS VOLTADOS PARA CADEIAS PRODUTIVAS

LIZANDRA MUNIZ - 27/03/2024 15:22 - Atualizado 01/04/2024

O Banco do Nordeste (BNB) destinou R$ 1,7 bilhão para arranjos produtivos locais, em 2023. Os recursos foram direcionados para atividades econômicas prioritárias no Programa de Desenvolvimento Territorial do Banco do Nordeste (Prodeter), em toda área a atuação do Banco que, além da região Nordeste, inclui também uma parte dos estados de Minas Gerais e Espírito Santo.

No ano passado, o programa teve 10,6 mil participantes em todos os estados que fazem parte da área de atuação do Banco do Nordeste. Desse público, 6,8 mil pessoas conseguiram crédito da instituição para investir nas suas atividades. O Prodeter esteve presente em 864 municípios, onde trabalharam aproximadamente dois mil representantes de instituições parceiras.

De acordo com Irenaldo Rubens Soares, superintendente de Políticas de Desenvolvimento do BNB, o Prodeter trabalha para fortalecer e potencializar a competitividade das cadeias produtivas locais. As culturas a serem priorizadas pelas organizações de desenvolvimento regional de cada estado. “Nós construímos juntos um Plano de Ação Territorial (PAT) com ações para aumentar a produtividade, inclusive com acesso ao crédito orientado. Desde a criação do Prodeter, em 2016, o volume de recursos destinados às atividades agropecuárias supera R$ 6,51 bilhões”, informa.

Na Bahia, as culturas priorizadas foram a bovinocultura de leite nos territórios das Bacias do Jacuípe, Rio Corrente e Rio Grande, Itaparica, Litoral Sul, Médio Sudoeste baiano, Piemonte da Diamantina e do Paraguaçu, Semiárido Nordeste, Sertão Produtivo e Sudoeste baiano; cacau agrofloresta e cacauicultura no Litoral Sul e Médio Rio das Contas; caprinovinocultura também no Médio Rio das Contas e no Sertão do São Francisco; Citricultura no Litoral Norte e Agreste baiano; Fruticultura, no Baixo Sul; Mandiocultura, no Recôncavo; Saúde e Bem estar, no Litoral Sul e no Sertão Produtivo e Turismo no Sertão do São Francisco e no Sudoeste Baiano.

Para as atividades mencionadas, foram destinados R$ 216,2 milhões do BNB na Bahia. No total, 1.833 pessoas estiveram envolvidas nas ações no estado e 926 produtores receberam recursos da instituição.

 

Foto: Divulgação

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.