segunda, 15 de abril de 2024
Euro 5.5077 Dólar 5.1905

ENTREVISTA COM CARLOS HENRIQUE PASSOS, PRESIDENTE DA FIEB

João Paulo - 11/03/2024 05:00

Bahia Econômica – O início de obras da ByD abre oportunidades para fornecedores baianos ? Como o Sr. vê essa possibilidade?

Carlos Henrique – As obras da BYD deverão gerar impactos positivos na economia baiana. Primeiro, o próprio processo relacionado às obras das plantas deverá gerar oportunidades em diversos setores, a exemplo da construção civil. Em seguida, com o início de operação da BYD, como costuma ocorrer na cadeia automotiva, a empresa deverá demandar serviços e insumos de fornecedores diretos e indiretos do estado. Lembrando que os fornecedores da BYD também deverão demandar serviços e insumos, ampliando as oportunidades para fornecedores locais e gerando um efeito multiplicador benéfico para o setor produtivo e para a sociedade baiana.

Bahia Econômica – ⁠A FIEB está em trabalhando para por em contato fornecedores baianos e BYD?

Carlos Henrique – O Instituto Euvaldo Lodi (IEL), uma das entidades que fazem parte do Sistema FIEB, estimula o encadeamento produtivo empresarial e está em contato com a BYD para identificar caminhos para apoiar a atração e desenvolvimento de fornecedores locais.

Bahia Econômica – ⁠O senai/Cimatec vai colaborar com a ByD?

Carlos Henrique – Sem dúvida o Sistema FIEB vai estabelecer diversas parcerias com a BYD em diferentes etapas do projeto da empresa na Bahia. O presidente da BYD já esteve no SENAI CIMATEC e teve a oportunidade de conhecer o histórico da nossa atuação com foco na cadeia automotiva aqui na Bahia, além dos projetos de pesquisa desenvolvidos pelo SENAI CIMATEC em parceria com empresas do setor instaladas em outros estados brasileiros. Também recebemos o convite para que representantes do SENAI CIMATEC visitem a estrutura da BYD na China, onde poderemos aprofundar os diferentes modelos de parceria. O SENAI poderá atuar desde a formação de pessoal para a operação da fábrica, até o apoio ao futuro centro de desenvolvimento de produtos da BYD. Além disso, o SENAI CIMATEC também poderá dar suporte aos fornecedores locais para eventuais adequações ou desenvolvimentos tecnológicos necessários para o perfil de produto da montadora chinesa.

Foto: Gilberto Jr./Coperphoto/Sistema FIEB

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.