ROSEMBERG DEFENDE RUI NA ALBA E CHAMA OPOSIÇÃO DE “OPORTUNISTAS”

ROSEMBERG DEFENDE RUI NA ALBA E CHAMA OPOSIÇÃO DE “OPORTUNISTAS”

O líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), deputado Rosemberg Pinto (PT) defendeu o governador Rui Costa (PT) sobre os temas de combate à violência, educação e o preço dos combustíveis, via redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), apontados durante sessão extraordinária na Alba nesta quarta-feira (11).

O parlamentar indicou como solução para redução dos valores dos combustíveis, a mudança da política de preços da Petrobras, que vincula o preço do combustível nas refinarias ao dólar. Segundo ele, a redução do ICMS seria um contrassenso, uma vez que o imposto é investido na população baiana. “A defesa da lucratividade de R$ 44 bilhões da Petrobras, em detrimento do aumento do diesel e da gasolina para ao povo brasileiro, que ganha de um a quatro salários-mínimos, a redução do ICMS configuraria a redução dos investimentos na população”, criticou.

Lugar de fala

“Eu vejo aqui falas de quem nunca botou o pé na escola pública, sempre estudou nas melhores escolas privadas de Salvador, e vem aqui falar de escola pública? Agora, tem gente que vem falar de negros. Aonde a grande parcela das suas vidas é junto com a elite branca da cidade, que nunca foi fazer nenhuma defesa pública em relação a defesa desses jovens negros, pobres que morrem todos os dias por fome ou atraído pelo tráfico de drogas numa disputa insana para sobreviver”,  disse Rosemberg, ao criticar políticos que não estudaram em colégios públicos.

Ainda na tribuna, destacou a aplicação da política estadual de fomento às oportunidades, via educação e assistência social, como medidas de prevenção à criminalidade. “Temos nas escolas estaduais exemplos de programas como o Bolsa Presença para ajudar a essa juventude a se manter na escola e algumas delas levar, inclusive, uma alimentação para suas casas”.

Críticas oportunistas

Por fim, o petista afirmou que “escolheu um presidente que cuidou da juventude, que cuidou do povo negro, que deu oportunidade às pessoas que trabalhavam nos lixões”, em comparação a quem, “escolheu esse que está aí: um homem que não sabe cuidar gente, que estimula todos os dias que a arma é o caminho” (…) “sei que Vossas Excelências estão puxando o debate porque é o debate da eleição, e eu não tenho nenhum problema porque temos o que mostrar”.

Foto: divulgação