RANDOLFE PROTOCOLA REQUERIMENTO PARA NOVA CPI DA COVID NO SENADO

RANDOLFE PROTOCOLA REQUERIMENTO PARA NOVA CPI DA COVID NO SENADO

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), líder da oposição no Senado Federal, protocolou, nesta terça-feira (11), um requerimento solicitando a instalação de uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) focada na Covid-19. A nova CPI teria como objetivo apurar as ações e omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia a partir do mês de novembro de 2021.

No requerimento, são citados como tópicos a serem analisados: o atraso e a insuficiência na vacinação infantil; a insuficiência de provisão para doses de reforço em 2022; os ataques do Presidente da República aos técnicos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e à vacinação da população adulta e infantil; a insuficiência da política de testagem; e o apagão de dados do Ministério da Saúde com as suas consequências no correto monitoramento da evolução da pandemia. Para a abertura de uma CPI no Senado são necessárias assinaturas de ao menos 27 dos 81 senadores.

CPI da Covid

Em fevereiro do ano passado, foi Randolfe Rodrigues quem protocolou o requerimento que resultou na CPI da Covid no Senado. Apesar de também investigar o uso de recursos da União transferidos para Estados e municípios, o colegiado focou na conduta do governo durante a pandemia. A instalação da CPI foi determinada em 8 de abril pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso, que concedeu liminar em ação movida pelos senadores Alessandro Vieira e Jorge Kajuru.

Foto: Waldemir Barreto / Agência Senado