TRÁFEGO DE VEÍCULOS É LIBERADO EM 54 TRECHOS DE RODOVIAS

TRÁFEGO DE VEÍCULOS É LIBERADO EM 54 TRECHOS DE RODOVIAS

O trafego de veículos já foi liberado em 54 trechos de rodovias baianas afetados pelas fortes chuvas que atingiram o estado. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 6, pela Secretaria de Infraestrutura da Bahia (Seinfra). De acordo com a pasta estadual, os serviços foram realizados na BA-663, em Itabuna, entre os distritos de Ferradas e Itamaracá; na BA-262, entre Ilhéus e Uruçuca; na BA-972, em Coaraci, entre a sede municipal e os distritos de Itamotinga e Cafundó, e também no acesso à Floresta Azul. Os trabalhos em alguns trechos contam com o apoio dos Consórcios Intermunicipais de Infraestrutura, que receberam 35 equipamentos da Seinfra para auxiliar na execução dos serviços. Devido as condições da pista ou das pontes ao longo das vias, outros 15 pontos ainda estão com o trânsito interrompido e somente serão liberados após os reparos necessários.

Lista com as condições de trafegabilidade dos trechos de rodovias baianas:

Tráfego totalmente liberado

1 – BA-634, que liga Itambé a Ribeirão do Largo – A equipe técnica da Seinfra autorizou a retomada da passagem de veículos sobre a ponte do Rio Pardo, na BA-634, na quarta-feira (05). A decisão foi tomada após a diminuição do nível de água do Rio Pardo, que chegou a invadir a pista.

2 – Ponte da Graciosa, na BA-001 – Uma vistoria no equipamento localizado entre Valença e Taperoá foi realizada na última quarta-feira (05) para verificar a situação e tomar as providências necessárias. A passagem de veículos encontra-se normal.

3 – BA-542, entre Valença e a BR-101 – O grande volume de água invadiu a pista no KM 10 da rodovia na semana passada. A Secretaria de Infraestrutura no Baixo Sul está realizando os serviços de manutenção e o tráfego de veículos na rodovia encontra-se normal.

4 – BA-160, entre Bom Jesus da Lapa e Paratinga – O KM 1,6 da rodovia saindo de Bom Jesus da Lapa em direção à Paratinga está sinalizado após aparecimento de erosão no bordo da pista devido às chuvas na região. A empresa responsável pela manutenção da via já toma as providências necessárias a fim de realizar os reparos necessários.

5 – BA-663, em Itabuna, entre os distritos de Ferradas e Itamaracá- As ações de manutenção emergencial na ponte de Ferradas estão sendo realizadas após o aparecimento de erosões na cabeceira do equipamento no último final de semana. O tráfego de veículos no local está normal e o condutor deve ter muita atenção ao passar pela via.

6 – BA-651, de Coaraci até Itapitanga- O tráfego de veículos leves na rodovia já foi liberado na quarta-feira (29) após a construção de um desvio provisório por conta de rompimento da pista. Os serviços emergenciais para permitir o tráfego de veículos pesados na rodovia serão retomados na próxima semana.

7 – BA-654, que liga Taboquinhas à Itacaré – A passagem de veículos na BA-654, que liga Taboquinhas à Itacaré, já foi liberada. O tráfego havia sido interrompido na semana passada por conta do volume de água no Rio de Contas.

8 – BR-415, de Ilhéus até Itabuna – O fluxo na rodovia foi retomado após a redução do nível de água do Rio Cachoeira.

9 – BR-415, entre Itabuna e Floresta Azul – O fluxo na rodovia foi retomado após a redução do nível de água do Rio Cachoeira.

10 – BA-262, de Itajuípe até Coaraci – O fluxo na rodovia foi retomado após a redução do nível de água do Rio Almada.

11 – Acesso à Floresta Azul – Os serviços de manutenção no acesso à Floresta Azul estão sendo realizados.

12 – BA-262, entre Ilhéus e Uruçuca – O trânsito na rodovia foi totalmente liberado após a diminuição do nível de água do Rio Almada.

13 – Ponte do Rio Sal, na BA-210- O apoio da ponte que faz a ligação de Paulo Afonso com o distrito de Xingozinho, na BA-210, cedeu. Uma inspeção no local será realizada pela equipe técnica da Seinfra ainda esta semana a fim de verificar a situação e tomar as providências necessárias. A passagem de veículos sobre o equipamento está normal.

14 – BA-263, na região da Serra do Marçal, entre Vitória da Conquista e Itambé – A passagem de veículos foi liberada nos dois sentidos da rodovia pela equipe técnica da Seinfra na sexta-feira (31). A ação de limpeza da pista nos pontos em que houve deslizamentos de terra foi concluída. O órgão ainda monitora a situação da rodovia. Os condutores devem permanecer com atenção ao trafegar pela via.

15 – BA-130, entre Ibicuí e o distrito de Itaiá, em Firmino Alves – Os serviços de limpeza da pista no trecho foi concluída após deslizamento de terra e a equipe técnica da Seinfra liberou o trânsito na quarta-feira (29).

16 – BA-632, do distrito de Inhobim, em Vitória da Conquista, até Encruzilhada – O tráfego de veículos de pequeno porte já foi retomado na ponte entre Inhobim e Encruzilhada na quinta-feira (30). A Seinfra monitora o local a fim de autorizar o retorno da circulação de ônibus e caminhões sobre o equipamento.

17 – BA-130, entre Firmino Alves e Itororó – Os serviços de limpeza da pista na rodovia estão sendo realizados. A circulação de veículos de pequeno e grande porte foi retomada após a vazão de água do Rio Catolé.

18 – BA-903, de Érico Cardoso até Paramirim – Alguns pontos da rodovia apresentaram deslizamentos de encosta depois das chuvas na região da Bacia do Paramirim. A empresa responsável pela manutenção na rodovia está realizando a limpeza da pista. O local está sinalizado e o tráfego de veículos no trecho está normal.

19 – Acesso à Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB), em Barreiras, na BA-827 – A ação de retirada de árvores neste ponto da rodovia foi realizada em parceria com o Consórcio do Oeste (CONSID). O tráfego está normal.

20 – Acesso à Catolândia, na BA-455 – A retirada de árvores localizadas às margens da rodovia foi feita em parceria com o Consórcio do Oeste (CONSID). A Seinfra monitora a situação da rodovia. O trânsito de veículos na rodovia está normal.

21 – Acesso à Baianópolis, na BA-464 – Uma vistoria na rodovia de acesso ao município foi realizada por conta do volume de água na pista devido as chuvas da região. A passagem de veículos encontra-se normal.

22 – Acesso à Cotegipe, na BA-449 – Uma vistoria no acesso ao município, na BA-449, foi realizada devido à presença de alguma rachaduras na pista por conta do volume de água. Os serviços emergenciais serão iniciados quando houver a melhoria das condições climáticas. O fluxo na rodovia está normal.

23 – Acesso à Wanderley, na BA-839 – Uma vistoria foi realizada na rodovia de acesso ao município por conta da presença de buracos na pista por causa do volume das chuvas na região. O deslocamento de veículos pela rodovia está normal.

24 – BA-225, do entroncamento da BR-135, próximo ao distrito de Pipiri, em Formosa do Rio Preto, até Coaceral – A rodovia apresentou erosões no bordo da pista entre os KM 40 e 50. A equipe técnica da Seinfra está realizando um levantamento para verificar as intervenções necessárias. A passagem de veículos no trecho está normal.

 

25 – BA-447, de Barreiras até Angical- Os serviços emergenciais na rodovia, que fica próximo à localidade de Gameleira, foram iniciados na última sexta-feira (31) após erosões às margens da rodovia. O tráfego está em meia pista.

26 – BA-447, que liga Barreiras à Angical-A passagem de veículos na rodovia já foi retomada com a redução do nível da água sobre a via. O motorista deve ter muita atenção ao trafegar pela via.

27 – BA-172, entre São Félix do Coribe e Jaborandi – A Seinfra monitora a rodovia por causa do grande volume de água ter invadido parte da pista. A passagem de automóveis no local está normal.

28 – KM 30 da BA-284, entre Itamaraju e Jucuruçu – Os serviços de recomposição do desvio provisório no KM 30 da rodovia permitiram a liberação total do tráfego de veículos na quarta-feira (29). A equipe de conserva ainda continua fazendo os reparos na rodovia.

29 – KM 17 da BA-284, entre Itamaraju e Jucuruçu – O tráfego de veículos no desvio provisório do KM 17 da rodovia foi totalmente liberado na quarta-feira (29). O local encontra-se devidamente sinalizado. A equipe de conserva ainda continua fazendo os reparos na rodovia.

30 – BR-489, que liga Prado à Itamaraju – A circulação de motos e carros no KM 02 da rodovia está liberada. A passagem de automóveis de grande porte só será autorizada em ambos quando os reparos forem iniciados.

31 – Ponte de acesso à Prado, na BA-001- A circulação de motos e carros sobre o equipamento já está liberada. A passagem de automóveis de grande porte só será autorizada quando os reparos forem iniciados.

32 – BA-046, de Ruy Barbosa até Utinga – Os serviços de limpeza da pista na rodovia estão sendo realizados após o registro de deslizamentos de terra em alguns pontos durante as fortes chuvas. O fluxo de veículos no trecho já foi normalizado.

33 – BA-120, entre Gandu e Ibirataia – Houve registro de deslizamento de terra em alguns pontos da rodovia na tarde de terça-feira (28). A Seinfra realiza a limpeza da pista para garantir a trafegabilidade do trecho. O trânsito no local foi liberado no início da tarde de quarta-feira (29).

34 – BA-650, entre Ipiaú e Itagiba – Os serviços de limpeza da pista no trecho foram realizados nesta quarta-feira (29) após deslizamento de encosta por conta das chuvas. O fluxo de veículos já foi liberado.

35 – BA-026, de Maracás até Pé de Serra – Os serviços de reparos da erosão, que apareceu às margens da pista, foram concluídos nesta semana. A situação da via ainda segue sendo monitorada pela Seinfra. A passagem de veículos na via está liberada.

36 – BA-026, entre o entroncamento da BR-116 até Brejões – Os serviços de reparos das erosões e fissuras da pista em alguns pontos concluídos. A Seinfra acompanha a situação da via. A passagem de veículos na via está liberada.

37 – BA-274, em Itapebi, entre os distritos de Ventania e Caiubi – A recomposição do aterro em um dos encontros do pontilhão, na BA-274, foi concluída pelo Consórcio da Costa do Descobrimento na quarta-feira (29).

38 – BR-242, de Conceição do Almeida até São Felipe – O retorno da passagem de veículos na BR-242, entre Conceição do Almeida e São Felipe, foi autorizado pela equipe técnica da Seinfra na noite de quarta-feira (29) após a conclusão dos serviços de recomposição da via.

39 – BA-001, que liga Nazaré à Bom Despacho – O tráfego no KM 41 da rodovia foi retomado nesta segunda-feira (27) após a execução de serviços emergenciais.

40 – BA-496, que liga o distrito de Sodoma, em Muniz Ferreira, com a BA-096 – A limpeza para a desobstrução da pista na rodovia já foi concluída na terça-feira (28).

41 – BA-026, entre Santo Antônio de Jesus e Amargosa – O trânsito na rodovia foi totalmente liberado no domingo (26) depois da limpeza da via após deslizamento de encosta.

 

42 – BA-245, entre a BA-142, Itaetê e Marcionílio Souza – Os serviços de reparo na BA-245, entre a BA-142, Itaetê e Marcionílio Souza, por conta de rompimento no bordo da pista já foram concluídos. A Seinfra monitora a situação da rodovia e o ponto encontra-se sinalizado.

43 – BA-046, que liga Iaçu à Itaberaba – Abriram erosões às margens da rodovia.

44 – BA-148, entre Rio de Contas e Livramento de Nossa Senhora – A pista apresentou fissuras. O tráfego permanece normal e a Seinfra monitora a situação da via.

 

Tráfego em meia pista

1 – Passagem Urbana de Ituberá, na BA-250 – A travessia urbana de Ituberá, na BA-250, na região conhecida como Pontilhão, apresenta grande erosão causada por deslizamento de aterro. A equipe técnica da Seinfra avalia a situação e fará a execução de uma intervenção emergencial na rodovia. O tráfego de veículos na saída de Ituberá em direção à Piraí do Norte está em meia pista.

2 – Acesso ao distrito de Guaibim, na BA-887 – A passagem de veículos de pequeno e grande porte no acesso ao distrito de Guaibim, em Valença, já foi liberada. Na chegada de Guaibim, o tráfego está meia pista até iniciar os serviços de recuperação.

3 – BA-161, que liga a BR-430 até Serra do Ramalho – O grande volume de água das chuvas na região neste final de semana causou erosões no bordo da pista. A Seinfra acompanha a situação. O tráfego no local está em meia pista.

4 – BA-972, em Coaraci, entre a sede municipal e os distritos de Itamotinga e Cafundó – Os condutores de carros e motos devem dirigir com atenção devido às condições de trafegabilidade da rodovia afetada pela chuva. Os serviços emergenciais estão sendo realizados para permitir o fluxo de veículos pesados.

5 – BA-001, em Canavieiras – A rodovia apresenta erosões no bordo da pista em dois pontos, que são após o KM 18 e próximo à ponte sobre o Rio Cipó, na segunda-feira (27). O tráfego de veículos leves está em meia pista e encontra-se interrompido para ônibus e caminhões apesar da redução do nível de água do rio. A Seinfra realiza o monitoramento para avaliar a liberação total do fluxo de automóveis na via.

6 – BA-262, de Poções até Nova Canaã – A Seinfra permanece monitorando a situação no trecho em que houve deslizamento de terra e a pista apresentou algumas fissuras. Os serviços de reparo da via serão iniciados nos próximos dias. O fluxo pela via está normal.

7 – BA-582, entre Santana e Canápolis – Algumas erosões no bordo da pista da rodovia apareceram após as fortes chuvas no Oeste baiano. A Seinfra está acompanhando a situação do trecho. O trânsito no trecho encontra-se parcialmente interrompido.

8 – BA-558, do entroncamento da BR-330 até Itajuru, em Jequié – Erosões em dois pontos da rodovia. A Seinfra já realizou os serviços complementares. O local encontra-se sinalizado e o tráfego em meia pista.

9 – BA-540, entre Amargosa e Mutuípe – No KM 24 entre Amargosa e Mutuípe ocorreu um deslizamento de terra e a via pode ser interditada por questões de segurança. A Seinfra monitora a situação da rodovia.

10 – BA-225, de Presidente Dutra até Uibaí – Os serviços de recomposição no trecho já foram iniciados. A Seinfra acionou a Polícia Rodovia Estadual (PRE) a fim de bloquear o fluxo de ônibus e caminhões no trecho.

 

Tráfego interrompido

1 – Ponte do Capão, na BA-160 – O fluxo de pedestres e veículos pequenos porte na ponte do Capão, na BA-160, em Morpará, que está em construção, foi interrompido por conta do grande volume de água dos Rios Paramirim e do São Francisco. O aterro do encontro rompeu na madrugada desta quinta-feira (06). A alternativa para os moradores é fazer a travessia de balsa ou de barco saindo de Morpará em direção à BA-161. A circulação de pessoas, motos e carros só será retomada com a melhoria das condições climáticas.

2 – BA-120, entre Itapé e Itaju do Colônia- O tráfego de veículos na rodovia saindo de Itapé em direção à Itaju do Colônia está interrompido após a pista do KM 7,5 romper por conta das fortes chuvas.A instalação sinalização no local ocorreu nesta quarta-feira (05). A alternativa para os condutores é pegar a BA-120, de Itapé até o entroncamento da BR-415, em seguida, a BR-415, do entroncamento da BA-120 até Floresta Azul, e depois passar pela BA-262, que liga Floresta Azul à Santa Cruz da Vitória. Por fim, a BA-667, entre Santa Cruz da Vitória e Itaju do Colônia.

3 – BA-120, entre Itapé e Itaju do Colônia – O tráfego de veículos de pequeno e grande porte está interrompido. As ações emergenciais para permitir a passagem de motos, carros, ônibus e caminhões na via serão programadas.

4 – Ponte de acesso à Itapitanga – Uma inspeção na ponte de acesso à Itapitanga, na BA-651, foi realizada na quinta-feira (30) após o rompimento do muro de contenção. O equipamento permanecerá interditado por tempo indeterminado. O tráfego de veículos só será retomado após a obra de recuperação estrutural, o qual o projeto será elaborado. Para chegar ao município, o motorista deve utilizar o caminho passando pelos distritos de Itamotinga e Cafundó, na BA-972, ou pela BR-030, na região de Aurelino Leal.

5 – BA-130, que liga Ibicuí com Ibipitubã – O deslocamento de veículos no KM 35 da rodovia está interditado depois que o bueiro rompeu devido ao volume de água das chuvas. As intervenções emergenciais serão iniciadas nos próximos dias.

6 – BA-465, de Cotegipe até Missão do Aricobé – As máquinas já estão se deslocando para iniciar a construção de um desvio provisório no acesso ao distrito de Missão do Aricobé, em Cotegipe. A rota alternativa para os veículos será a ligação para quem vem da BR-242 em direção à localidade do Oeste baiano. O grande volume de água sobre a rodovia causou rompimento da pista. O trânsito de veículos está interrompido.

7 – BA-465, que liga Cotegipe à Missão do Aricobé – A pista apresenta alguns pontos que romperam devido ao acumulo de água das chuvasa partir do KM 5 saindo de Cotegipe em direção à Missão do Aricobé.

8 – BA-465, que liga Angical à Missão do Aricobé – A pista rompeu e a barragem da Urissangas cedeu neste trecho. O tráfego está interrompido e a equipe técnica da Seinfra realiza um levantamento para verificar as intervenções necessárias.

9 – Ponte entre Missão do Aricobé e Angical, na BA-465 – A ponte no KM 1 da rodovia apresenta rachaduras por grande volume de água do rio. A Seinfra e o Consórcio do Oeste monitoram a situação do equipamento.

10 – Ponte de São Joaquim, no acesso ao distrito de Missão do Aricobé, na BA-465, em Angical – Um dos encontros da ponte rompeu durante as fortes chuvas no Oeste baiano. O tráfego de veículos está interrompido. Uma vistoria no acesso ao distrito de Missão do Aricobé, em Angical, na BA-465, e também no equipamento foi feita para identificar um local para a implantação de um desvio provisório a fim de retomar o fluxo de veículos pela rodovia. Os serviços serão iniciados quando houver a redução do nível de água do rio que corta a região.

11 – Ponte do Alto Araguaia, na BA-449, em Cotegipe – Um dos encontros da ponte rompeu durante as fortes chuvas do Oeste baiano. A passagem de veículos leves e pesados sobre o equipamento está proibida.As ações emergenciais serão iniciadas pela Seinfra assim que melhorar as condições climáticas.

12 – Ponte sobre o Rio Água Piranga, na BA-449 – A ponte localizada em Cotegipe, na ligação entre a sede municipal e o distrito de Jupaguá, foi interditada após ceder durante as fortes chuvas desta semana. Uma vistoria no acesso à Jupaguá, na BA-449, e também no equipamento foi realizada no último final de semana para verificar um local para a construção de desvio provisório a fim de permitir a circulação de veículos na via. Por conta do volume da água do rio, ainda não há possibilidade de implantação do desvio.

13 – BA-314, entre o distrito de Caldeirãozinho, em Uauá, até o acesso à mineração, em Jaguarari – Os equipamentos para a construção de um desvio provisório no ponto da rodovia, que cedeu durante as chuvas, estão sendo mobilizados pelo Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Território do São Francisco (CONSTESF). A passagem de veículos na rodovia está interrompida.

14 – BA-549, entre o distrito de Itaibó, em Jequié, e Baixa Alegre – O trânsito no trecho foi interrompido no domingo (26) por conta de rompimento de aterro de um dos encontros da ponte. Um desvio provisório será construído na próxima semana para permitir a retomada do fluxo de veículos na via. Uma alternativa para o motorista que deseja chegar à localidade é utilizar a BA-548, que liga os entroncamentos da BR-330, próximo à Jitaúna, e da BA-549.

15 – BA-144, de Tanquinho de Lençóis até Bonito – A passagem de veículos na rodovia continua interrompida após a pista ceder. As máquinas estão sendo deslocadas pela empresa responsável pela manutenção a fim de começar os reparos necessários.