terça, 28 de maio de 2024
Euro 5.6328 Dólar 5.1736

AVALIAÇÃO NEGATIVA DE BOLSONARO CHEGA A 48%

Redação - 01/09/2021 12:14

Após ficar tecnicamente estável na pesquisa Genial/Quaest de agosto em relação à de julho, passando de 45% para 44%, a avaliação negativa de Bolsonaro cresceu na edição de setembro, chegando a 48% dos entrevistados. Enquanto isso, a avaliação positiva, de 26%, em julho e em agosto, encolheu para 24% na mesma base de comparação. A avaliação regular ficou entre 27%, nos meses de julho e agosto, e em 26%, em setembro.

A avaliação negativa de Bolsonaro apresentou crescimento em três regiões entre agosto e setembro: Nordeste, Sudeste e Sul. Conforme os dados do levantamento, o Nordeste foi a região do país onde a rejeição a Bolsonaro tem o maior percentual, de 59%, acima dos 53% registrados em agosto.

No Sudeste, passou de 42% para 47%, na mesma base de comparação. E, no Sul, subiu de 36% para 39%. No Norte e no Centro-Oeste, houve uma leve queda na avaliação negativa do presidente, para 40%, mas dentro da margem de erro de três pontos percentuais. Já avaliação positiva de Bolsonaro cresceu no Sul, passando de 29% para 32% entre agosto e setembro, mas ficou estável no Centro Oeste.

A nova edição Genial/Quaest apresentou algumas novidades. Ampliou a amostra de entrevistas face-a-face, passando de 1,5 mil para 2 mil pessoas. A quantidade de cidades visitadas de aumentou 95 para 123. A confiabilidade da pesquisa é de 95% e a margem de erro, três pontos percentuais.

 

 

 

Foto: Sérgio Lima/Poder360

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.