PT INSISTE E PAZUELLO FALARÁ SOBRE ABORTO NO SENADO

PT INSISTE E PAZUELLO FALARÁ SOBRE ABORTO NO SENADO

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, participará na próxima quinta-feira (17) de uma reunião remota do Senado Federal, para dar explicações sobre a nova portaria da pasta para procedimentos de aborto legal no País. O evento, contudo, ainda não consta na agenda oficial do ministro.

De acordo com informações da colunista da jornal Folha de São Paulo, Mônica Bergamo, o convite foi feito pela liderança do PT na Casa – que defende a revisão da portaria.

Entre as previsões da norma está a de que os médicos informem à mulher a possibilidade de ver o feto em ultrassonografia. O texto também obriga profissionais de saúde a avisarem a polícia quando atenderem pacientes que peçam para interromper uma gestação em razão de estupro, e determina a assinatura de um termo de consentimento.

O aborto no Brasil é um direito legal previsto em casos de gravidez após estupro, de feto anencéfalo e quando há risco de morte materna.

 

 

Foto: Carolina Antunes/PR