OMS AFIRMA QUE O SURTO DA COVID-19 ESTÁ PIORANDO

OMS AFIRMA QUE O SURTO DA COVID-19 ESTÁ PIORANDO

Com mais de sete milhões de infectados e 404 mil mortes em todo o mundo, a covid-19 está piorando, segundo Tedros Adhanom, chefe da Organização Mundial de Saúde. Adhanom disse que “embora a situação da Europa esteja melhorando”, a alta de casos em países como o Brasil, México e Peru fez com que a situação global piorasse. – No domingo, mais de 136 mil casos foram reportados. O máximo registrado em um único dia – afirmou Adhanom.

De acordo com a Universidade Johns Hopkins, quase 10% da população mundial já foi infectada. Adhanom chamou atenção para o contexto de protestos contra o racismo e voltou a pedir para que as pessoas tomem cuidado, pratiquem o distanciamento social, usem máscaras, lavem as mãos e fiquem em casa se estiverem doentes.

– Continuamos a pedir a vigilância ativa para garantir que o vírus não se recupere, especialmente, porque reuniões de todos os tipos estão começando a recomeçar em alguns países – afirmou o chefe da OMS que confirmou que a organização apoia as causas – A OMS apoia plenamente a igualdade e o movimento global contra o racismo. Rejeitamos todos os tipos de discriminação. Encorajamos todos os que protestam em todo mundo a fazê-lo com segurança.

Maria Van Kerkhove, chefe da unidade de doenças emergentes da OMS, afirmou que “isso está longe de terminar” e analisou que dificilmente pessoas assintomáticas transmitem o vírus. A análise ocorre após o estudo dos casos em Singapura, onde metade dos infectados não apresenta sintomas e o governo faz um rastreamento dos casos. Van Kerkhove disse que, analisando relatórios de países que fazem uma vigilância atenta, “é muito raro” que uma pessoa assintomática transmita o vírus para uma segunda.

Foto: Fabiano Rocha / Agência O Globo