Novembro 25, 2019

O professor doutor Guilherme Lepski, que foi chamado pela família de Gugu Liberato para analisar o estado clínico do apresentador, deu mais detalhes sobre a situação que encontrou ao chegar nos Estados Unidos. “Fui com esperança de poder transportá-lo para o Brasil e trata-lo aqui, já tinha uma equipe pronta, tudo certo, mas infelizmente a situação que encontrei foi mais grave. Importante frisar que ele não chegou morto ao hospital,