MOTORISTAS LOTAM POSTOS POR GASOLINA EM SALVADOR

MOTORISTAS LOTAM POSTOS POR GASOLINA EM SALVADOR

Motoristas de 215 veículos, entre carros e motos, participaram na manhã deste sábado (25) do dia D da campanha Feirão do Imposto, uma ação conjunta da Associação dos Jovens Empreendedores da Bahia (AJE) e da empresa Petrobahia, que movimentou os postos Gameleira, na Av. Suburbana, e Mataripe, no Vale do Ogunjá, em Salvador.

Os dois postos que participaram da ação comercializaram hoje 5 mil litros de gasolina cada um, com valor final reduzido, sem repasse de impostos para o consumidor. A redução é de 53%, e cada cliente poderia abastecer com limite de R$ 50 para carros e R$ 20 para motos, com o valor da gasolina comum saindo a R$ 2,09. Nessa sexta-feira, em muitos postos de Salvador, o litro da gasolina comum estava saindo por R$ 4,66, uma diferença de R$ 2,57.

De acordo com a presidente da AJE, Maria Brasil, a finalidade da ação é mostrar para o consumidor a alta carga tributária que incide sobre o produto e criar consciência no cidadão, despertando o interesse pelo acompanhamento da aplicação dos recursos públicos. Para ela, a campanha serve como um alerta à população.

“Precisamos despertar a sociedade para refletir sobre o quanto pagamos em impostos e qual o valor real do que consumimos. Hoje, os clientes puderam abastecer até 23,5 litros, no valor de R$ 2,09, e nossa equipe fez um controle através de adesivagem dos veículos. No total, foram 190 carros e 25 motos adesivadas e aptas a consumirem o combustível com esse desconto”, destacou Maria.

Para o diretor comercial da Petrobahia, Thiago Andrade, a ação é de suma importância para a empresa, que já patrocina o evento há 8 anos, disponibilizando o combustível para o posto, que fica responsável em realizar a ação integrada com a AJE. “A gente disponibiliza esses 5 mil litros e pagamos todos os impostos, nós assumimos esse compromisso para o consumidor. Os tributos não deixam de ser pagos, nós só oferecemos o combustível em uma condição diferente para o consumidor”, explicou Thiago.