AGRICULTORA GANHA R$ 6,5 MI EM INDENIZAÇÃO APÓS TER TERRENO OCUPADO E VENDIDO A EMPREENDIMENTO DE LUXO NA BA

AGRICULTORA GANHA R$ 6,5 MI EM INDENIZAÇÃO APÓS TER TERRENO OCUPADO E VENDIDO A EMPREENDIMENTO DE LUXO NA BA

A agricultora Joaquina Antônia Soares, de 74 anos, que denunciou a ocupação ilegal de um terreno no distrito de Trancoso, área turística da cidade de Porto Seguro, no extremo sul da Bahia, fechou um acordo com a incorporadora Bahia Beach e receberá uma indenização de R$ 6,5 milhões pelo espaço.

Segundo informações divulgas pelo G1, o terreno estava em disputa judicial desde 2010, quando foi ocupado e vendido para a incorporadora, junto com outros lotes. Após adquirir o espaço, a empresa passou a construir um condomínio de luxo, além de vender alguns lotes do empreendimento. O valor inicial da obra é de R$ 130 milhões.

Segundo o advogado da agricultora, Nirvan Dantas, parte da indenização será paga em dinheiro e outra parte em imóveis no terreno, que passou a pertencer à incorporadora. A defesa não divulgou se o valor já foi repassado. Contudo, conforme o advogado, a agricultora está muito feliz com o acordo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.