FIFA CRITICA MÉXICO POR GRITOS HOMOFÓBICOS DA TORCIDA

FIFA CRITICA MÉXICO POR GRITOS HOMOFÓBICOS DA TORCIDA

A FIFA decidiu abrir um procedimento disciplinar contra o México por conta dos gritos homofóbicos dados por sua torcida na partida contra a Alemanha, vencida pelos mexicanos por 1 a 0 no último domingo. Os gritos de “puto”, que significa “bicha” em espanhol, foram dados a cada tiro de meta do goleiro Manuel Neuer.

A manifestação preconceituosa já rendeu punições à seleção da América do Norte por parte da Fifa, que vem tentando banir dos estádios cantos e gritos homofóbicos, racistas ou que representem qualquer outro tipo de preconceito. Há um ano, na Copa das Confederações, esta já havia sido uma preocupação por parte da Femexfut.

A Federação Mexicana já fez apelos para que seus torcedores não entoem esses gritos. No jogo contra a Alemanha, no entanto, eles foram ouvidos algumas vezes. A atitude dos torceodres fez com que a entidade máxima do futebol decidisse investigar o caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.