sexta, 19 de julho de 2024
Euro 6.098 Dólar 5.6089

PELOURINHO RECEBE FESTA AFRO-BRASILEIRA ‘SAMBA ESCULTURAL’ EM JULHO

Matheus Souza - 18/06/2024 17:30

Sandro Sal da Terra, artista plástico reconhecido nacional e internacionalmente por suas esculturas em madeira que refletem a ancestralidade afro-brasileira, está prestes a levar muita música baiana e arte ao público em mais uma edição do Samba Escultural, no dia 6 de julho, a partir das 18h, na Praça das Artes, Pelourinho.

Reunindo música, artes visuais, dança e gastronomia afro-baiana, o encontro entre artistas celebra os diversos sentidos, onde o público pode não apenas apreciar as obras de Sandro Sal da Terra e outros artistas plásticos, mas também testemunhar sua criação ao vivo.

O artista traz consigo não apenas técnica apurada, mas sua trajetória de superação e resgate de suas raízes. O Samba Escultural busca ocupar espaços culturais, promovendo inclusão social e valorizando a cultura afro-baiana, além de gerar emprego e renda para a comunidade local.

A tradição da arte do entalhe em madeira precisa ser mais difundida entre os jovens, como uma fonte de renda sustentável. Para isso, é necessário incluir essa técnica em oficinas, exposições e projetos culturais, incentivando novas gerações a valorizar essa arte.

Sobre o artista

A jornada de Sandro começou na movimentada Feira de São Joaquim, onde trabalhou incansavelmente enquanto estudava à noite. Foi nesse ambiente pulsante que ele absorveu não só as cores e formas da arte, mas também os valores de luta e perseverança. Ainda muito jovem, no Pelourinho, desenvolveu seu potencial artístico, onde marcou o início de uma trajetória de reconhecimento e sucesso.

Inspirado por Xangô aos 26 anos, Sandro sentiu o chamado para canalizar sua arte de forma ainda mais profunda. Foi assim que nasceu o Atelier Sal da Terra, um espaço que não apenas abriga suas esculturas, mas também se tornou um ponto de encontro para a celebração da cultura afro-brasileira.

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.