quinta, 18 de julho de 2024
Euro 6.0049 Dólar 5.4906

ESCUTA BAHIA PROMOVE CONSULTA COM MAIS DE 100 MIL ESTUDANTES SOBRE ESCOLAS DA REDE ESTADUAL

LUIZA SANTOS - 16/05/2024 17:59

O Ministério da Educação (MEC) está conduzindo uma consulta nacional para entender as percepções de crianças e adolescentes sobre a escola. Iniciada no último dia 13, a ação segue até 27 de maio com o objetivo de fortalecer o planejamento pedagógico e melhorar a oferta educacional no Ensino Fundamental II. Na Bahia, a campanha Escuta Bahia, coordenada pela Secretaria da Educação do Estado (SEC), mobiliza mais de 100 mil estudantes do 6º ao 9º ano em torno de atividades como rodas de conversa e outras dinâmicas pedagógicas. A consulta ocorre em duas etapas: dinâmicas nas escolas, nesta quinta (16) e sexta-feira (17), e consulta on-line, disponível até o dia 27, para que os alunos respondam, individualmente, um formulário elaborado pelo MEC, por meio do link https://semanadaescuta.org.br/.

A SEC promove a escuta em 262 unidades escolares e 38 anexos, incentivando o engajamento dos alunos na avaliação do ambiente escolar e ajudando a planejar ações estratégicas para melhorar a oferta de ensino. No Colégio Estadual Abílio César Borges, no bairro de Roma, em Salvador, os estudantes participam de rodas de conversa e utilizam dispositivos digitais para expressar suas percepções sobre a escola. Luan Oliveira Barbosa e Haniel Machado, ambos de 14 anos, destacam que se sentem acolhidos no colégio, onde passam sete horas por dia em um clima de boa convivência com os colegas e educadores. “Poder me expressar com liberdade sobre a escola e contribuir para melhorar cada vez mais este ambiente é muito importante”, conta Luan.

A coordenadora pedagógica da unidade de ensino, Miriam de Oliveira Melo, considera a escuta uma ferramenta essencial para entender as percepções dos alunos e transformar a escola em um espaço ainda mais acolhedor e propício ao aprendizado. “Esse instrumento nos ajuda a conhecer melhor as experiências e dificuldades, principalmente as ideias e sugestões de melhorias”, considera. Ela enfatiza que as respostas dos alunos são fundamentais para tomar decisões que atendam às suas expectativas, reforçando a cidadania e a participação ativa.

Foto: divulgação

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.