sábado, 25 de maio de 2024
Euro 5.614 Dólar 5.1764

WERNER FALA SOBRE A ATUAÇÃO DE CORPO DE BOMBEIROS DA BAHIA NO RIO GRANDE DO SUL

Hugo Leite - 15/05/2024 15:01 - Atualizado 15/05/2024

Em entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (15), o secretário de Segurança Pública (SSP-BA), Marcelo Werner, declarou que o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) já resgatou ao menos 212 pessoas e 20 animais no trabalho de socorro as vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.

“A calamidade que se encontra o estado é realmente muito triste, que precisa do esforço de cada um de nós. O Corpo de Bombeiros da Bahia não ficaria de fora. Ao contrário, foi uma das primeiras forças a chegar ao Rio Grande do Sul. No primeiro momento, já mandamos os Bombeiros para lá, atuando especificamente na cidade de Caxias do Sul, Santa Lúcia, Gramado e Bento Gonçalves”, destacou Werner na entrevista realizada na sede da secretaria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

Além do contingente já presente no estado, mais 25 bombeiros militares embarcaram para o Rio Grande do Sul, na manhã desta quarta. O efetivo que está no estado gaúcho retorna para o estado baiano até a sexta-feira (17).

O coronel Adson Marchesine, Comandante Geral do Corpo de Bombeiros da Bahia, disse que a ajuda não irá cessar. “Nós não vamos interromper nossa assistência, nosso apoio à população do Rio Grande do Sul. Ontem, o governado cobrava que ele não queria que houvesse interrupção do trabalho apoiando a população lá do Rio Grande do Sul. Então, nós estamos mandando mais 25 bombeiros hoje”, pontuou. Além do pessoal enviado, equipamentos e viaturas também estão sendo encaminhados para o socorro das vítimas gaúchas.

Todos os quartéis do Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) estão recebendo, das 8h às 18h, água, ração para animais, materiais de higiene pessoal e de limpeza e alimentos não-perecíveis. Os donativos vão ser levados para as vítimas da chuva que incide no Rio Grande do Sul. É importante que antes de doar, os cidadãos observem o prazo de validade dos itens, que devem ter no mínimo 15 dias para serem utilizados.

Foto: Divulgação / Redes Sociais.

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.