sábado, 20 de julho de 2024
Euro 6.098 Dólar 5.6089

SALVADOR CONQUISTA PELA 1ª VEZ NOTA MÁXIMA EM ÍNDICE DO TESOURO NACIONAL

LUIZA SANTOS - 10/05/2024 17:00

Salvador se manteve como referência no país na área contábil e fiscal e conquistou pela primeira vez nota máxima no índice da Capacidade de Pagamento (Capag), promovido pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Divulgado nesta sexta-feira (10), o cálculo publicado anualmente consagrou a capital baiana como ‘A+’.

O feito inédito foi possível graças ao ótimo desempenho nos três indicadores avaliados pelo Capag e a consistência da informação encaminhada ao Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi), divulgada por meio do Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal. Anteriormente, a cidade havia conquistado, seis vezes consecutivas, nota ‘B’ no índice.

O índice do Tesouro Nacional considera os indicadores ‘Endividamento’, que afere o tamanho da dívida relativa à receita corrente líquida e a capacidade do ente federativo de cumprir suas obrigações financeiras ao longo prazo; ‘Liquidez Relativa’, responsável por aferir o nível das obrigações financeiras em relação a disponibilidade de caixa; e ‘Poupança Corrente’, que aponta à relação entre despesas e receitas correntes.

“Este é um marco histórico para nossa cidade e reflete o compromisso da nossa administração em garantir uma gestão eficiente e transparente dos recursos públicos. Essa conquista é resultado de um trabalho árduo e dedicado de toda a equipe da Prefeitura, que tem se empenhado na busca pela eficiência e pela responsabilidade na gestão dos recursos”, ressaltou o prefeito Bruno Reis.

Ele ainda ressaltou que, graças a essa gestão responsável, a capital baiana conseguiu assegurar recursos para a execução de obras históricas, como o BRT, que tem transformado a mobilidade urbana em nossa cidade, além de investimentos robustos nos serviços essenciais, como saúde e educação.

Foto: Lucas Moura/ Secom

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.