segunda, 17 de junho de 2024
Euro 5.82 Dólar 5.4259

OLODUM CELEBRA ANIVERSÁRIO DE 45 ANOS EM APRESENTAÇÃO NO PELOURINHO

João Paulo - 26/04/2024 06:01 - Atualizado 26/04/2024

O dia 25 de abril de 1979 é um marco na história da cultura baiana. Nesta data surgia um dos principais símbolos de resistência da população negra de Salvador, o Olodum. Criado na época da ditadura com uma alternativa de lazer para a população do Pelourinho no Carnaval, o Olodum se converteu em uma das grandes vozes de luta das comunidades soteropolitanas.

Para comemorar o aniversário de 45 anos, o Olodum organizou a Varanda Cultural, no Pelourinho, na noite desta quinta-feira (25). Cantores e percussionistas do grupo se apresentaram no evento, que foi aberto ao público. Quem foi até a Casa do Olodum pode viajar pela história do grupo e pela memória dos Carnavais. No evento também foi apresentado o tema do Carnaval de 2025 do bloco.

“Essa é uma data que nos enche de orgulho, é um motivo para celebrarmos, para comemorar 45 anos de luta, de resistência, de enfrentamento de adversidades e, claro, de muitas histórias contadas e cantadas através do Carnaval, da Banda do Olodum, da presença da cultura do Olodum pelos mais de 45 países que fizemos no mundo e, em especial, da transformação que fizemos a partir do Pelourinho”, afirmou o presidente executivo, Jorginho Rodrigues.

O evento contou com a presença de fãs e admiradores do bloco. Uma delas foi a cantora Ivete Sangalo, que celebrou o aniversário do Olodum junto com a banda. “Olodum 45 anos!!! Obrigada Olodum por me permitir viver toda a força e potência e ter impregnado nos meus 30 anos de carreira toda essa beleza. Salve Neguinho do Samba! Salve Olodum!!”, disse a artista em um vídeo publicado em sua rede social. “Estamos muito orgulhosos de chegar até aqui e de entender que o papel do Olodum ao longo desses 45 anos foi alcançado, a nossa missão foi alcançada. Estamos comemorando com tudo o que temos direito e já preparando os próximos 45 anos, que serão uma jornada incrível”, completou Jorginho Rodrigues.

Crédito: Paula Fróes/CORREIO

 

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.