segunda, 22 de julho de 2024
Euro 6.114 Dólar 5.6094

OFICINA DE MUSICALIZAÇÃO TRANSFORMA MATERIAIS RECICLÁVEIS EM INSTRUMENTOS MUSICAIS EM PRAIA DO FORTE

Victoria Isabel - 10/11/2023 11:35

Nesta edição de 2023, o Projeto TAMAR Cultural destinou de forma correta mais de 300kg de materiais orgânicos e recicláveis coletados ao logo do projeto para cooperativas e instituições de reciclagens

Materiais recicláveis que se transformam em instrumentos musicais? Sim, essa foi a proposta da Oficina de Musicalização que aconteceu no Centro Visitantes do Projeto Tamar, em Praia do Forte, marcando o encerramento das atividades anuais, na Bahia, da terceira edição do projeto TAMAR Cultural, que tem apresentação da Braskem, via Lei de Incentivo à Cultura, e conta também com o patrocínio da Unigel, com realização da Trevo Produções, Projeto Tamar, Ministério da Cultura e Governo Federal União e Reconstrução

A Oficina de Musicalização foi dirigida a cerca de 60 estudantes de escolas públicas de Praia do Forte e Mata de São João, dividida em duas sessões, com coordenação do cofundador do Projeto Quabales, Marivaldo dos Santos, integrante brasileiro do Stomp, um dos grupos percussivos mais famosos do mundo, em cartaz há mais de 20 anos na Broadway. “Incentivar as crianças a praticarem o descarte adequado dos resíduos e a reciclagem, em um projeto como este, reforça o papel de cada um de nós na construção de um futuro mais sustentável”, afirma Laís Campos, responsável por Marketing e Comunicação da Braskem na Bahia.

Na edição 2023 do TAMAR Cultural, mais de 300kg de materiais orgânicos e recicláveis, coletados ao logo do projeto na Bahia, foram destinados de forma correta para cooperativas e instituições de reciclagens e compostagens como a Camapet, Reciclo Meio Ambiente, Novelis, e Eco Solutti.

O Projeto Tamar, através do Tamar Cultural, transmite uma mensagem forte de sustentabilidade e faz da música um veículo condutor para gerar reflexão e mudança de consciência. Numa das atividades da oficina, Marivaldo utilizou sacolas plásticas e mostrou como se pode tirar som percussivo delas. E é exatamente o descarte inadequado de resíduos que representa um dos grandes riscos para a vida das tartarugas marinhas e de outros animais quando jogado no oceano. “Precisamos lembrar que todos dependemos da qualidade dessas águas para sobreviver”, reforça a oceanógrafa, fundadora e coordenadora de conservação e pesquisa nacional do Projeto Tamar, Neca Marcovaldi.

A estudante Alice Borges, 10 anos, revelou que adorou viver a experiência da oficina. “Adorei os sons, os ritmos e a forma como ele nos ensinou a produzir os instrumentos”. Esta foi a quarta Oficina de Musicalização realizada pelo projeto Tamar Cultural em 2023 para estudantes de escolas públicas da região. Ao longo do ano, o projeto também realizou Oficinas de Reciclagem abertas ao público e shows para adultos e crianças.

O show de encerramento das atividades de 2023 aconteceu no último sábado (4) com apresentação do projeto Brazil Afro Symphonic, que reúne grandes talentos no palco, como o músico Armandinho Macedo, jovens da Escola de Música Olodum (Olodum New Generation), e o tecladista Yacoce Simões, para interpretar um repertório mundialmente reconhecido de músicas clássicas e eruditas adaptado à sonoridade dos tambores afro-baianos. A surpresa da noite foi a participação da cantora Ana Mametto, que fez um belo encerramento colocando todo mundo para dançar.

Foto: divulgação

 

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.