quinta, 30 de maio de 2024
Euro 5.6372 Dólar 5.2038

BAHIA INVESTE MAIS DE R$ 1 BILHÃO NA REVOLUÇÃO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA

João Paulo - 07/11/2023 14:59 - Atualizado 07/11/2023

Com um investimento de mais de R$ 1 bilhão, o programa Bahia Mais Inovadora está pronto para revolucionar o cenário da ciência e tecnologia no estado. A iniciativa, anunciada pelo governador Jerônimo Rodrigues, nesta terça-feira (7), em evento realizado no Centro Cultural Sesi Casa Branca, em Salvador, tem o objetivo de ampliar e popularizar o conhecimento científico e a inovação em todos as regiões baianas.

O plano de ações, previsto para ser executado até 2026, tem o compromisso de fortalecer o setor de empreendedorismo, impulsionar a indústria audiovisual e de jogos, e garantir um acesso mais amplo à internet gratuita para os baianos. O programa será desenvolvido pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), com base no decreto que regulamenta a Lei nº 14.315/2021, sobre estímulos ao desenvolvimento científico, à pesquisa, à capacitação científica e tecnológica e à inovação do sistema produtivo no estado.

Um dos principais focos da ação é a popularização da ciência e a democratização do conhecimento, colaborando com municípios e instituições de ensino superior para ampliar o acesso à ciência, tecnologia e inovação (CT&I). Além disso, busca fortalecer setores como o audiovisual, jogos digitais e realidade imersiva, promovendo a economia criativa de base tecnológica.

“O conceito que nós temos de ciência é mais abrangente do que aqueles que a gente vê ao longo da história do Brasil e do mundo. É uma ciência que pode ser revelada e responder a todas as demandas diárias da gente. No copo de água que bebemos, num prato de comida que nós compramos, na roupa que nós vestimos, é o dia a dia nosso. A nossa busca por apresentar um programa de Bahia mais inovadora é para colocar recursos naquilo que a gente entende como sendo mais importante. Todos os desafios tecnológicos são para que as pessoas possam ter mais conforto”, afirmou o governador.

Jerônimo Rodrigues lembrou que já foi apresentado e enviado para a Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) o projeto com o orçamento do Estado para garantir as ações de tecnologia: “é um investimento que chega a R$ 1 bi para os próximos quatro anos. Está na Assembleia para que possam apreciar, debater e fazer as correções que acham conveniente”.

Para o titular da Secti, André Joazeiro, o Bahia Mais Inovadora representa um marco no desenvolvimento de políticas públicas que beneficiam positivamente a juventude baiana: “nossos jovens terão acesso à capacitação profissional, novas oportunidades de empreendedorismo e uma educação preparatória para o futuro. Essa iniciativa não apenas impulsionará o crescimento econômico do estado, mas, também, fomentará a inclusão social e a sustentabilidade, estabelecendo a Bahia como referência nacional em inovação e desenvolvimento”.

Estratégias

A iniciativa compreende o Bahia Games, que incentiva a indústria de jogos eletrônicos no estado, e o OPAI TECH, que oferece cursos online gratuitos e capacitação profissional em diversas áreas, como indústria 4.0 e tecnologia. Além disso, o Conecta Bahia visa proporcionar acesso gratuito à internet, instalando redes Wi-Fi em diversos municípios baianos.

Dentre outros programas, estão a implantação de redes de referência em inteligência artificial, a criação de hubs tecnológicos em diferentes regiões e o desenvolvimento de uma nova economia sustentável no semiárido baiano, com ênfase em áreas como biocombustíveis e fitofármacos. A Bahia também planeja estabelecer uma Agência de CT&I para facilitar a coordenação entre os atores do ecossistema de ciência, tecnologia e inovação no estado. O programa Bahia Mais Inovadora representa um esforço amplo para fortalecer a CT&I e promover o desenvolvimento econômico, social e ambiental no estado.

Além destas ações, a iniciativa contempla o programa BAH.IA, direcionado à criação de uma rede de referência de inteligência artificial no estado. O programa Inova Cidade visa impulsionar o desenvolvimento e a competitividade do estado, enquanto o programa Inovatec oferece cursos de capacitação profissional. O Ciência na Mesa concentra-se no desenvolvimento de tecnologias sociais relacionadas à agricultura familiar e nutrição, e o Startup Expand visa fortalecer o ecossistema de inovação na Bahia.

O programa Semearido tem seu foco no desenvolvimento de uma nova economia sustentável no semiárido baiano, destacando áreas como biocombustíveis, óleos essenciais e fitofármacos. Por fim, o Experience Arenas envolve a criação de parques tecnológicos em diferentes regiões do estado, promovendo inovação em áreas específicas.

Outras ações

Durante o evento, foi assinado o decreto de publicação dos novos membros do Conselho Estadual de Ciência e Tecnologia e Inovação (Conciteci), que tem como objetivo definir diretrizes para a formulação e implementação da Política Estadual de Ciência e Tecnologia, promovendo a cooperação entre órgãos estaduais, o governo federal e o setor produtivo. O grupo é presidido pelo secretário André Joazeiro e tem em sua composição 19 membros titulares e 19 suplentes, nomeados pelo governador e com mandato de três anos.

Fotos: Rafael Martins/GOVBA

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.