sábado, 22 de junho de 2024
Euro 5.8473 Dólar 5.4623

EM BRASÍLIA, JERÔNIMO RODRIGUES PARTICIPA DO LANÇAMENTO DE ESTRATÉGIA PARA EXPANDIR PRODUÇÃO DE INSUMOS PARA O SUS

LUANA NEIVA - 26/09/2023 18:59

Nesta terça-feira (26), o governador Jerônimo Rodrigues participou em Brasília, do lançamento da estratégia para a reindustrialização nacional da saúde, com investimento de R$ 42 bilhões. O decreto, assinado pelo presidente Lula, tem como objetivo expandir a produção nacional de itens prioritários para o SUS e reduzir a dependência do Brasil de insumos, medicamentos, vacinas e outros produtos de saúde estrangeiros. A estratégia é resultado do trabalho do Grupo Executivo do Complexo Econômico-Industrial da Saúde (Geceis), recriado em abril de 2023.

Jerônimo Rodrigues parabenizou a iniciativa do presidente Lula e da ministra da Saúde, Nísia Trindade. “É um claro sinal de boa gestão, que fortalece a autonomia brasileira, o nosso SUS e ainda abre oportunidade de renda, fomentando a produção científica na Bahia e em todo o território nacional. Isso é cuidar de gente”, declarou o gestor baiano.

A autonomia é fundamental para reduzir a vulnerabilidade do setor de saúde no país e, de acordo com Lula, o SUS é a fonte de garantia da produção no sistema de saúde. “Quem tem mercado, não tem que ver problema, porque a gente vai consumir grande parte daquilo que a gente produz aqui mesmo, no Brasil. A gente vai construir uma aliança forte na América do Sul, na América Latina, com o continente africano e a gente pode repartir, vender a preços acessíveis para os países que ajudaram a gente a produzir. É esse país que nós queremos construir”, destacou o presidente da República.

Entre o investimento até 2026, serão R$ 9 bilhões previstos pelo Novo PAC. Já o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve participar com R$ 6 bilhões e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), com outros R$ 4 bilhões. O Governo Federal prevê ainda aporte de cerca de R$ 23 bilhões da iniciativa privada. Assim, o governo visa suprir o SUS com a produção e tecnologia locais.

Foto: Divulgação / Henrique Raynal

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.