sábado, 22 de junho de 2024
Euro 5.8473 Dólar 5.4623

FÁBRICA DA DESAL JÁ PRODUZIU MAIS DE 45 MIL PEÇAS PARA PRAÇAS E MOBILIÁRIO URBANO DE SALVADOR EM 2023

Victoria Isabel - 12/09/2023 12:26

A fábrica da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal) foi responsável pela confecção de mais de 45 mil equipamentos que hoje integram o mobiliário urbano da capital baiana nos primeiros oito meses de 2023. Além de produzir as peças, o órgão auxilia no combate ao vandalismo nas praças e outros espaços da cidade, além de contribuir para a implantação de novas passarelas na cidade.

A Desal fabrica pré-moldados, brinquedos, tijolos, blocos, bancos, mesas, dentre outras estruturas que dão beleza e conforto aos espaços públicos e fazem parte do dia a dia da mobilidade, do lazer e do entretenimento da população. A companhia, inclusive, trouxe novos atrativos para as praças, a exemplo dos cachorródromos, espaços específicos para a diversão dos cães; Casa de Tarzan, Espaço Infantil e parede de escalada para crianças; e bancos modulares anti-vandalismo, que contribuem para o lazer dos pequenos.

A fábrica, localizada na sede do órgão, na BR-324, região do Porto Seco Pirajá, é a única produtora pública de mobiliários urbanos da América Latina. Nos primeiros oito meses de 2023, graças aos equipamentos fabricados, o órgão pôde realizar a manutenção preventiva e a restauração de cerca de 1 mil praças nos mais diversos bairros da cidade.

Mobilidade urbana – A Prefeitura, por meio da Desal, investe na recuperação, manutenção e construção de novas passarelas. Os equipamentos mais recentes estão sendo instalados na Av. Vasco Da Gama, nas proximidades do posto São Jorge e da Perini. Já na Av. Tancredo Neves, um complexo foi montado próximo à loja Tok Stok e à Magalhães Neto.

“As passarelas da Vasco da Gama serão determinantes para melhorar o fluxo de pedestres e veículos em pontos cruciais por onde passarão as novas linhas do BRT. A meta é qualificar cada vez mais a cidade, investindo em equipamentos de qualidade e segurança para o uso do cidadão”, destaca o presidente do órgão, Virgílio Daltro.

Vandalismo – Em 2022, as ações de vandalismo nos equipamentos públicos da cidade geraram um prejuízo de mais de R$ 400 mil aos cofres públicos. Diariamente, são recebidas mais de 20 queixas, através do Fala Salvador 156, sobre destruição ao patrimônio público.

A Desal chega a realizar até 30 restaurações por mês. Daltro ressalta que a companhia tem desenvolvido um grande trabalho na manutenção e recuperação desses equipamentos. “É preciso reforçar que a população precisa ajudar a manter os equipamentos. Quando um é vandalizado quem sai perdendo é a sociedade”, disse.

Estrutura – A estrutura da fábrica possui mais de 20 mil m², e é composta por setores voltados para serralheria, fibra, metalurgia, carpintaria, almoxarifado, setor administrativo e de argamassa e concreto. A Desal está localizada no quilômetro 8,5 da BR-324, na altura do Porto Seco de Pirajá e possui atualmente 256 colaboradores, sendo 216 nos setores de produção e obra, e 40 na área administrativa.

Foto: Lucas Moura / Secom PMS

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.