segunda, 15 de abril de 2024
Euro 5.5077 Dólar 5.1905

FEIRA DE SANTANA: O CENÁRIO PARA A DISPUTA PELA PREFEITURA

Redação - 24/07/2023 06:50 - Atualizado 24/07/2023

Feira de Santana é a segunda maior cidade do estado da Bahia, o segundo maior colégio eleitoral do estado e vai ter, em 2024, uma das mais disputadas eleições de sua história.  E, nesse momento, a disputa já está em curso com cada partido avaliando a escolha de candidatos.No lado da oposição, o PT, que nunca governou Feira de Santana, surge teoricamente com um candidato “natural”, o deputado federal Zé Neto, que disputou e perdeu as 5 últimas disputas pela Prefeitura. O nome do petista foi o primeiro a ser apresentado publicamente como pré-candidato para 2024, naquela que seria sua sexta disputa, mas não há consenso no partido. Há lideranças que acreditam ser a hora de apresentar um nome novo a Feira de Santana e o deputado estadual Ângelo Almeida, do PSB, chamado pelo governador Jerônimo Rodrigues para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Bahia (SDE), surge como opção.

O deputado Zé Neto tem sua posição consolidada em Feira, mas carrega a pecha de perdedor, enquanto Ângelo Almeida tem ao seu lado a ideia de renovação, mas eleitoralmente precisaria do apoio integral e total do governador do Estado. A capacidade de cada um dos postulantes de compor alianças com outros partidos vai pesar na disputa, mas será Jerônimo Rodrigues, que tem fortes ligações com Feira de Santana e tem visitado a cidade com muita frequência, o árbitro dessa disputa e quem vai chancelar o nome do candidato do PT.

No lado da situação, o prefeito Colbert Martins Filho do MDB será peça chave na montagem da chapa que vai concorrer a Prefeitura de Feira de Santana, embora sua situação não seja nada cômoda, não só pelas críticas que vem recebendo sua administração, como também por sua situação no partido que compõe a base do governador Jerônimo Rodrigues. Na eleição para prefeito Colbert praticamente rompeu com o partido e apoiou ACM Neto. Essa aliança deve perdurar, mas o prefeito terá de definir sua situação partidária. De qualquer modo, se o ex-prefeito Zé Ronaldo do União Brasil, que já foi prefeito 4 vezes e elegeu seu sucessor em duas,  for candidato,  Colbert e ACM Neto vão chancelar a candidatura, ficando a disputa pela indicação do vice.

Zé Ronaldo ainda não confirmou que será candidato e, caso seja, terá de assumir, em maior ou menor grau, a defesa da administração de Colbert, duramente criticada. Nessa composição o prefeito fatalmente apresentará um nome para o cargo de vice-prefeito.

Há outros nomes na disputa como o do deputado estadual Pablo Roberto do PSDB, que foi o  deputado estadual mais votado da cidade de Feira de Santana nas eleições de 2022, assumindo vaga na Assembleia Legislativa da Bahia. Pablo é uma nova liderança, não esconde seu desejo de ser candidato e seria uma alternativa mais próxima de  José Ronaldo e do prefeito Colbert Martins, mas também haveria espaço para conversas com o PT, especialmente após os movimentos do partido em Salvador, onde não está descartada uma maior aproximação com a base do governador Jerônimo Rodrigues.

Compondo o cenário aparece a figura de José de Arimateia, eleito deputado estadual pelo partido Republicanos com quase 78 mil votos, e que, em 2020, ficou em terceiro lugar nas eleições municipais, atrás de Zé Neto e do prefeito Colbert Martins. Arimateia ainda não se posicionou, tem proximidade com Colbert e ACM Neto, mas também transita bem na base do governador Jerônimo Rodrigues. Seu nome pode fortalecer sobremaneira, tanto a chapa da oposição, como a da situação.

Por fim aparece o nome do professor Jhonatas Monteiro do PSOL, que  teve mais de 44 mil votos para deputado estadual, mas não foi eleito, que será candidato da esquerda em 2024. E o candidato de João Roma do PL, que estimula o empresário Raimundo Júnior a liderar a chapa, mas pode compor uma aliança com outros partidos. O cenário pode ter outros nomes e nada ainda está definido, a única coisa de concreto é que Feira de Santana terá uma das mais disputadas eleições de sua história.(EP- 24/07/2023)

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.