domingo, 16 de junho de 2024
Euro 5.7376 Dólar 5.3871

COMPLEXO EÓLICO DE MAIS DE R$1 BILHÃO É LANÇADO NA BAHIA; JERÔNIMO PARTICIPA

Tácio Caldas - 30/05/2023 16:53

Fala do governador da Bahia aconteceu durante o lançamento oficial do Complexo Eólico Tanque Novo, no sudoeste do estado.

O Complexo Eólico Tanque Novo foi lançado, oficialmente, nesta terça (30), em cerimônia realizada no auditório do Senai-Cimatec, no bairro de Piatã, em Salvador. Localizado em Tanque Novo e Caetité, no sudoeste baiano, o projeto teve um investimento de R$ 1,15 bilhão e já gerou mais de mil postos de trabalho, enquanto tem a missão de ampliar a oferta de energia renovável no país. O evento contou com a presença do governador do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT).

De acordo com o gestor estadual, o empreendimento garante a transição energética, permitindo que se tenha cada vez mais o uso de energias limpas e a geração de emprego no interior da Bahia. “Entregamos hoje, junto com a empresa, um centro de inovação, tecnologia e ciência, para que a comunidade do município e do entorno possa visitar, conhecer e entender como funciona a produção de energia renovável. Esse investimento simboliza um conjunto de outros que as empresas chinesas têm feito na Bahia em diversas áreas”, afirmou Rodrigues (PT).

O empreendimento abrange uma área aproximada de 30 quilômetros de extensão e com 40 aerogeradores, distribuídos em sete parques eólicos, o Complexo Eólico Tanque Novo terá capacidade instalada total de 180 MW, podendo abastecer até 430 mil residências com energia limpa, inclusive podendo gerar, anualmente, 720 milhões de kWh de eletricidade, contribuindo significativamente para o aumento na oferta de energia limpa e, consequentemente, reduzindo a emissão de carbono na atmosfera.

Este lançamento só reforça o envolvimento da Bahia na produção de energia limpa e mantém estado na liderança nacional na geração de energia eólica, com 31% de participação no mercado, por meio de 265 parques eólicos construídos. Vale lembrar que as plantas de energia solar e eólica no estado são destinadas para a produção de hidrogênio, insumo para geração de combustíveis, e amônia verde, para produzir fertilizantes.

Segundo o secretário-executivo nacional de Minas e Energias, Efrain Cruz, que representou o ministro Alexandre Silveira no lançamento, destacou o protagonismo da Bahia e do Nordeste na geração de energia eólica. “A Bahia, assim como todo o Nordeste, vem se apresentando como um grande celeiro de fontes de energia renováveis do mundo. E será de energia limpa também, tanto pela capacidade na questão dos ventos, quanto na solar”, comentou Cruz.

Efrain completou ainda explicando que este é um movimento muito importante para colocar o Brasil como líder mundial de transição energética. “Além de promover o desenvolvimento da região Nordeste, estamos re-industrializando o país com essa gigantesca capacidade de geração de energias renováveis que nós temos”, finalizou o secretário executivo.

 

Foto: Rafael Almeida/ GOVBA

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.