terça, 18 de junho de 2024
Euro 5.82 Dólar 5.4259

MORRE EM SALVADOR, AOS 81 ANOS, MANINHO DE LOGUN EDÉ

Redação - 06/09/2022 09:26 - Atualizado 06/09/2022

O irmão de santo Manoel Silva de Souza, conhecido como Maninho de Logun Edé, morreu no sábado (3), em Salvador. Ele tinha 81 anos e sofria há alguns anos com um cancer colorretal. Ele fazia parte do terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, de Mãe Stella de Oxóssi.

O babalaxé Logunwa, do terreiro Ilé Àṣẹ Ayinla Òpó, de Joanópolis (SP), contou que Maninho acompanhou sua trajetória no candomblé desde o início e tinha papel importante para a religião. “Embora não tenha sido nenhum pai de santo famoso, ele foi uma pessoa de destaque que na base da pirâmide acolheu aquelas pessoas que procuravam a respeito do candomblé”, diz. “Manteve a base, a sustenção de toda essa cultura”. 

Ele destaca também o papel de memória histórica de Maninho. “Antes de Mãe Stella ser a ialorixá do Axé Opô Afonjá, era a Mãe Senhora, que foi muito importante na Bahia e teve contato com figuras importantes, como Dorival Caymmi, Pierre Verger, Jorge Amado, Carybé… Todas essas pessoas se aproximaram do candomblé através de Mãe Senhora. E Maninho de Logun Edé foi o último filho de Mãe Senhora, o último que estava vivo até hoje, o mais recente baluarte da memória de Mãe Senhora”, diz Logunwa. 

Maninho foi escolhido para ser Ogan após mais de 50 anos de iniciado, sendo confirmado em 2015 justamente pelas mãos da amiga e irmã de santo Mãe Stella. 

Foto: Leonil Junior- Divulgação

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.