GOVERNO AUTORIZA REPESCAGEM PARA SAQUE DO FGTS

GOVERNO AUTORIZA REPESCAGEM PARA SAQUE DO FGTS

A partir deste sábado (6), a Caixa Econômica Federal vai iniciar o retorno às contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) dos valores do saque extraordinário que foram creditados automaticamente em conta digital do Caixa Tem, mas não foram movimentados pelos titulares. Cerca de R$ 9,2 bilhões retornarão para as contas do FGTS, devidamente corrigidos, em cumprimento à Lei 14.075/2020, segundo o banco público. O FGTS rende o equivalente à taxa referencial (TR) mais 3% ao ano.

“Conforme previsto nessa legislação, os valores creditados automaticamente ficam disponíveis para movimentação pelo trabalhador pelo prazo de 90 dias, de acordo com calendário de pagamentos amplamente divulgado, e, caso não sejam sacados, retornam para as contas do FGTS corrigidos”, diz a Caixa, em nota. A Caixa destaca que, em todo o calendário de pagamento, foram liberados cerca de R$ 30,1 bilhões para aproximadamente 43,7 milhões de trabalhadores com direito ao saque. Os pagamentos foram liberados até 15 de junho, conforme o mês de nascimento do trabalhador.

Os trabalhadores que movimentaram o Saque Extraordinário, em qualquer valor, não terão o saldo remanescente retornado às contas de FGTS, permanecendo o saldo disponível na conta do Caixa Tem.

Foto: divulgação