segunda, 20 de maio de 2024
Euro 5.5588 Dólar 5.1035

EXPOSIÇÃO EM SALVADOR CELEBRA CENTENÁRIO DE JOSÉ SARAMAGO

Redação - 11/07/2022 11:07

Em celebração ao centenário do escritor português José Saramago, a Casa do Rio Vermelho, memorial vinculado à Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) de Salvador, vai homenagear o amigo de Jorge Amado com uma exposição intitulada “Saramago visita Jorge”. A mostra ficará disponível para o público no ambiente “Quarto dos Amigos “, e conta com elementos como matérias de jornais e livros de Saramago, roupas, cartas trocadas com o anfitrião da casa, e outros elementos.

A abertura acontece na sexta-feira, às 17h, com o lançamento da exposição fotográfica “Amado Saramago – Uma Visita à Bahia”, que exibe registros da viagem a Salvador feita por José Saramago e sua última esposa, Pilar del Río, em imagens inéditas, captadas pelo fotógrafo Xando Pereira, em 1996.

Também neste dia e no mesmo horário, ocorre o lançamento do livro “Saramago, os seus nomes”, produto da pesquisa de Alejandro García Schnetzer e Ricardo Viel, que narra a vida de José Saramago, entrelaçada a mais de 200 nomes de cidades, fatos históricos, amigos e personagens, através de um álbum biográfico composto por imagens, relatos e trechos de seus livros, pelos quais ele foi laureado com o Prêmio Nobel de Literatura em 1998.

Ainda na ocasião, haverá a mesa redonda “Histórias inéditas”, reunindo, para comentar as exposições e o livro, Alejandro García Schnetzer, Ricardo Viel e Xando Pereira. A mediação é do jornalista português Ricardo Duarte.

Encantamento – O lançamento oficial da exposição ocorre na sexta-feira (8), mas visitantes da Casa do Rio Vermelho, na terça-feira (5), já aproveitaram para ver uma mostra do ambiente e conhecer um pouco mais da relação de amizade entre os escritores. Os elementos que compõem a exposição são fruto de uma parceria com a Fundação Saramago, em Portugal.

De acordo com Maria João Amado, responsável pela comunicação do espaço, a proposta é que a exposição faça uma analogia a uma visita de Saramago a Jorge Amado. Por isso, os elementos estão dispostos no quarto de hóspedes, que também é chamado de Quarto dos Amigos.

O turista Jaruan Xavier, que reside nos Estados Unidos, afirmou que ficou encantado com a beleza do lugar. “A Casa do Rio Vermelho é impecável, tanto na organização, quanto nos elementos e história. É uma memória muito viva ainda. Saramago é um dos meus autores favoritos e é muito importante aproximar esses dois escritores no acervo, até para a gente entender como a literatura pode atingir vários níveis e, inclusive, extrapolar fronteiras. Vejo essa exposição como essa possibilidade de ir além”, contou.

A turista de João Pessoa (PB) e fã declarada de Jorge Amado, Miriam Ribeiro, elogiou a Casa do Rio Vermelho. “Vejo este espaço como um sentimento de muita generosidade e um pensamento coletivo. Essa casa abriu as portas e deu a oportunidade para que todos conhecessem um pouco do escritor não só pelo que a mídia mostra, mas de forma bem personalizada, conhecendo cada pedacinho da história”, afirmou.

Acervo permanente – As exposições “Saramago visita Jorge” e “Amado Saramago – Uma Visita à Bahia” serão exibidas na Casa do Rio Vermelho até dezembro. O espaço funciona de terça-feira a domingo, das 10h às 18h, com entrada até às 17h. O ingresso custa R$20 e há meia entrada para idosos, estudantes e moradores de Salvador que apresentem comprovante de residência. Já às quartas-feiras a visitação tem entrada gratuita.

Além de toda essa programação especial, a Casa do Rio Vermelho mantém um acervo permanente onde é possível, por exemplo, admirar mais de 30 horas de vídeos, projeções e áudios sobre a vida e obra de Jorge Amado e sua esposa Zélia Gattai. O espaço possui aproximadamente dois mil metros quadrados, incluindo o jardim onde as cinzas do casal estão depositadas.

 

foto: Divulgação

Copyright © 2023 Bahia Economica - Todos os direitos reservados.