SDE ACREDITA EM MOVIMENTAÇÃO DE MAIS DE R$ 550 MILHÕES NO SÃO JOÃO NA BAHIA

SDE ACREDITA EM MOVIMENTAÇÃO DE MAIS DE R$ 550 MILHÕES NO SÃO JOÃO NA BAHIA

Segundo expectativa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), as festas de São João na Bahia devem movimentar R$ 550 milhões e gerar mais de 40 mil empregos temporários. O setor de Comércio e Serviços, que tem a maior participação na economia baiana devem ser os principais ícones dessa alta. A chegada desses festejos traz também a alta procura por produtos típicos da culinária durante o período junino nas feiras e mercados municipais.

“O comércio baiano está esperançoso! As festas juninas trazem ótimas oportunidades para atraírem ainda mais consumidores e aumentarem a receita do território baiano. O mês de junho impulsiona a venda de diferenciados produtos para este mês, além de contribuir para o turismo nos municípios do Estado e gerar empregos nas regiões. É um momento de valorização cultural para a Bahia”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico, José Nunes.

De acordo com a SDE, os setores que mais se destacam com aumento no seu volume de vendas e de serviços prestados nesse período são as farmácias, padarias, lanchonetes, lojas de roupas e calçados; o de turismo, com a chegada de turistas de outros estados, por meio dos aeroportos e as hospedagens no segmento hoteleiro em todo interior; o setor de transportes com a grande procura por passagens áreas, vans e locação de veículos.

A festa impacta também na agricultura familiar com produção de licores com frutas regionais e diversos produtos do período. O segmento de alimentos e bebidas também é economicamente beneficiado com a época. Além disso, o setor cultural é destaque com o incremento da prestação de diversos serviços ligados aos festejos, como o segmento artístico, com músicos, bandas, técnicos de som e luz

Foto: divulgação