SALVADOR REGISTRA ACELERAÇÃO NOS PREÇOS DE IMÓVEIS RESIDENCIAIS

SALVADOR REGISTRA ACELERAÇÃO NOS PREÇOS DE IMÓVEIS RESIDENCIAIS

Por Redação

Em relatório disponibilizado ao Bahia Econômica nesta terça-feira, 19, a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (ABECIP) revela que Salvador teve aceleração nos preços de imóveis residenciais de 1,38% em março (com 1,16% em fevereiro), resultado que mais uma vez possibilitou um avanço na variação acumulada em 12 meses, de 14,69% para 14,74%.

Segundo a análise da ABECIP, a aceleração na variação acumulada em 12 meses vem perdendo intensidade, quando consideradas as variações médias de trimestres contra trimestres imediatamente anteriores. A exemplo de Salvador, as capitais tiveram desacelerações nos preços nominais de seus imóveis residências no primeiro trimestre de 2022 em comparação ao último de 2021. Na capital baiana, o valor foi de 4,04% para 3,92%, no igual período comparativo.

O relatório indica que dois dos principais componentes do Índice de Expectativas, Demanda Prevista e Tendência dos Negócios, foram responsáveis pela queda no indicador. Os impactos da manutenção dos índices de inflação no Brasil em patamares elevados, sobre a renda real e o nível de atividade da economia, representam os principais desafios para a aceleração dos preços reais dos imóveis residenciais nos próximos meses.

Foto: Reprodução