ALCKMIN DEVE OFICIALIZAR APOIO A LULA NA SEXTA-FEIRA

ALCKMIN DEVE OFICIALIZAR APOIO A LULA NA SEXTA-FEIRA

Uma reunião entre Lula e Geraldo Alckmin na sexta-feira em São Paulo vai formalizar o noivado da possível chapa presidencial com PT e PSB. Os dois partidos evitam falar em casamento com o vice antes de Lula lançar, oficialmente, sua candidatura ao Planalto.  Será a primeira vez que Lula, Alckmin e os presidentes do PT, Gleisi Hoffmann, e do PSB, Carlos Siqueira, sentarão desde o encerramento da janela partidária. O primeiro encontro dos dois havia sido em um jantar em São Paulo, em dezembro.

À mesa, na sexta, estará a construção dos acordos estaduais. Minas está sem palanque. São Paulo segue com a indefinição entre Fernando Haddad e Márcio França, enquanto o Rio de Janeiro se arrasta com a divergência ao Senado entre André Ceciliano e Alessandro Molon — o PT confirma apoio ao presidente da Assembleia, mas o PSB vai com o deputado federal.

Desse enccontro, são esperadas as definições dos novos rumos das duas legendas para selar, enfim, o casamento após o lançamento da candidatura de Lula, prevista para maio.

Foto: divulgação