CÂMARA FARÁ AUDIÊNCIA SOBRE VLT DO SUBÚRBIO

CÂMARA FARÁ AUDIÊNCIA SOBRE VLT DO SUBÚRBIO

A Câmara Municipal de Salvador realizará uma audiência pública na próxima quarta-feira (23) para debater o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Subúrbio. A audiência, promovida pelos vereadores do DEM Claudio Tinoco e Orlando Palhinha, será realizada de forma semipresencial, a partir das 9h, no auditório do Centro de Cultura, podendo ser acompanhada presencialmente ou online, através da plataforma Zoom.

Conforme os organizadores, no dia 15 de fevereiro de 2021 (já completou um ano), o sistema de trens do Subúrbio parou de funcionar. A justificativa do governo para interrupção do serviço foi a realização de obras para construção do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT). A construção, acrescentam, está parada desde junho do mesmo ano.

“A promessa do governo era de uma nova ligação ferroviária entre a Calçada, em Salvador, e Mapele, em Simões Filho. Um ano depois, a obra está abandonada, paralisada desde junho de 2021, com problemas de financiamento. Por isso, estamos realizando a audiência pública na Câmara, debatendo com o poder público e com a sociedade o projeto do VLT e os impactos criados até agora na população”, disse o vereador Claudio Tinoco.

Foram convidados para compor a mesa de trabalho o secretário Estadual de Desenvolvimento Econômico (Sedur), Eures Ribeiro; o presidente da Companhia de Transportes da Bahia (CTB), Eduardo Copello; e o presidente da concessionária chinesa Skyrail, Tyler Li. Também devem marcar presença representantes do Movimento Trem de Ferro, Ver de Trem, do Observatório da Mobilidade Salvador, especialistas da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e de outras universidades, além de fundações e associações.

 

 

Foto: Divulgação