MOVIMENTAÇÃO ECONÔMICA DE SALVADOR TEM LEVE ALTA

MOVIMENTAÇÃO ECONÔMICA DE SALVADOR TEM LEVE ALTA

O Índice de Movimentação Econômica de Salvador (IMEC-SSA) calculado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia vinculada à Secretaria do Planejamento (Seplan), apontou estabilidade (0,04%) em novembro de 2021, na comparação com o mês imediatamente anterior (série com ajuste sazonal), após avançar 1,8% em outubro.

Quatro das seis variáveis que compõem o indicador puxaram o índice para baixo, com destaque para Passageiros de ônibus intermunicipais (-4,7%), que apontou a variação negativa mais expressiva, seguida por Consumo de energia elétrica (-2,5%), depois Combustíveis (-2,4%), e Passageiros no Aeroporto Internacional de Salvador (-2,3%). Em contrapartida, Carga portuária (4,3%) e Passageiros de ônibus urbanos (2,2%) avançaram.

Em nota, a SEI destaca que o mês de novembro foi marcado pela liberação de eventos com até 3 mil pessoas, e autorização de venda das bebidas alcóolicas nos estádios durante os jogos. Essas medidas contribuíram para que o índice não registrasse queda, mas não foi o suficiente para numa expansão significativa na movimentação econômica da capital baiana em relação a outubro.

Seguindo a mesma trajetória, o indicador avançou 17,4% quando comparado com o mês de novembro de 2020. Em onze meses, acumula alta de 12,5%, e nos últimos 12 meses acumula expansão de 9,0%.

 

Foto: Reprodução