PREFEITURA ESTENDE AÇÕES DO SALVADOR NO GRAUPARA O MÊ DE JANEIRO

PREFEITURA ESTENDE AÇÕES DO SALVADOR NO GRAUPARA O MÊ DE JANEIRO

A Prefeitura estendeu para este mês de janeiro as ações do Salvador no Grau em ruas, avenidas, parques e orla marítima da cidade. A intenção do programa é levar ordenamento para esses locais e promover a requalificação, manutenção de vias, calçadas, ciclovias e ciclofaixas, terminais marítimos, pontos de ônibus e de equipamentos de lazer.

Iniciado em outubro, o programa conta com um investimento de R$43 milhões, dos quais R$15 milhões estão sendo direcionados para a substituição de asfalto. O término, previsto anteriormente para dezembro passado, foi ampliado para que possa abranger um número maior de intervenções.

Durante este mês de janeiro, a Superintendência de Obras Públicas (Sucop) dará início ao recapeamento asfáltico na cidade. O serviço não foi iniciado nos últimos meses, devido às chuvas frequentes.

Em um esforço conjunto, as secretarias municipais de Manutenção (Seman), da Mobilidade (Semob), da Sustentabilidade e Resiliência (Secis), de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), a Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), a Diretoria de Iluminação Pública (Dsip), a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), a Sucop e a Empresa de Limpeza Urbana (Limpurb) promoveram centenas de ações em aproximadamente dois meses de programa.

Cada órgão tem atuado e contribuído com serviços de sua competência para a promoção de melhorias significativas na cidade. “O pacote de medidas alcança a conservação, manutenção e requalificação das ruas, avenidas, praças e parques. Com isso, estamos preparando a cidade para a retomada das atividades econômicas e para o verão, época em que recebemos mais turistas em Salvador”, afirma Luiz Carlos de Souza, titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), órgão que coordena o Salvador no Grau.

Manutenção – Entre as intervenções mais importantes realizadas através do programa está a requalificação dos terminais marítimos da Ribeira e de Plataforma. No local, estão sendo recuperadas as estruturas de alvenaria e metálicas e os deques em madeira e flutuadores. Os profissionais do órgão também realizaram a manutenção das instalações elétricas e hidráulicas, serviços de pintura e de instalação de novas telas de segurança e guarda-corpo.

O investimento na requalificação dos dois terminais é de cerca de R$600 mil. A previsão é de que a obra do terminal da Ribeira esteja concluída em 30 dias e a de Plataforma, em dois meses.  O sistema de transporte está funcionando normalmente através de estruturas alternativas disponibilizadas pela Semob.

A Seman também realizou a poda de árvores em áreas públicas, reparou e pintou ciclovias em concreto e asfalto, limpou e desobstruiu redes de drenagem, conteve e compensou a fuga de materiais em decorrência de vazamentos de água e das chuvas, substituiu grelhas e fez a manutenção de guarda-corpos (inclusive de viadutos), corrimãos e balaustradas, de

calçamentos e passeios públicos, da malha viária, de mobiliários urbanos, de escadarias de acesso à praia, de dispositivos de microdrenagem e de pequenas contenções.

A Desal, órgão vinculado à Seman, fez a substituição e recuperação de mobiliários urbanos e de brinquedos dos parques infantis, remoção de academia de ginástica danificada (na região da Avenida Lafayete Coutinho/Contorno), recuperação e pintura de aparelhos das academias, troca de piso tátil e manutenção de pergolados, quadras e praças.

Ordenamento – Durante as ações conjuntas, a Semop emitiu, pelo menos, 50 notificações formais e 74 notificações verbais. As notificações ocorreram em situações de utilização de logradouro sem o devido licenciamento, obstrução de ruas, realização de comércio informal sem licenciamento e utilização de equipamentos inadequados.

Ao todo, 36 notificações para retirada de sucatas de barco foram emitidas e pelo menos outras seis para a retirada de sucata de veículos. Treze delas foram removidas da praia na Ribeira. Além disso, agentes do órgão orientaram a população quanto à regularização de atividades diversas.

Mobilidade e trânsito – A Semob atuou na limpeza, recuperação e substituição de abrigos de pontos de ônibus, além da pintura de poste de radar e de redutores de velocidade. A Dsip realizou serviços de revisão de circuitos de iluminação pública; engastamento, recomposição e pintura de poste; normalização de lâmpadas acesas durante o dia e vedação de caixas de passagem de iluminação pública.

Para maior segurança de ciclistas e pedestres, a Transalvador sinalizou e recuperou a sinalização de ciclofaixas, pintou faixas de pedestres e substituiu redutores de velocidade danificados.

Replantio e limpeza – A Secis promoveu a conclusão e replantio de grama em canteiros e áreas de convivência, implantou coroamento e realizou a limpeza das vegetações de paisagismo, ajuste do solo e plantio de arbustos.

Já a Limpurb realizou serviços de limpeza, capinação, roçagem, recolhimento de entulho (ao lado da Praia da Paciência), lavagem de passarela (no Costa Azul), varrição de canteiros, escadarias e assoalhos, desobstrução de calhas e lavagem de banheiros químicos.

 

Foto: Otávio Santos – SECOM