IPHAN BATE RECORDE DE TOMBAMENTOS DE BENS EM 2021

IPHAN BATE RECORDE DE TOMBAMENTOS DE BENS EM 2021

Com um investimento de aproximadamente R$ 87 milhões, o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional contabiliza 24 obras de restauração concluídas em 2021. Além disso, o órgão foi destaque internacional com o reconhecimento do Sítio Roberto Burle Marx como Patrimônio Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura.

No quesito tombamento de edificações, o Edifício Sede da Cruz Vermelha Brasileira, no Rio de Janeiro; a Fazenda Sant’Ana do Rio Abaixo, em São José dos Campos; a Antiga Rodoviária de Londrina, no Paraná; entre outros, passaram a integrar a lista do Patrimônio Cultural tombado a nível federal.

A valorização do Patrimônio Imaterial brasileiro também esteve no foco de atuação do instituto, com a marca de 52 bens imateriais registrados. O destaque fica por conta do reconhecimento das Matrizes Tradicionais do Forró como Patrimônio Cultural. Por fim, foram realizadas ainda nove revalidações de títulos de Patrimônio Imaterial.

 

 

Foto: Reprodução