MORO: BRASIL PERDE CREDIBILIDADE COM PEC DOS PRECATÓRIOS

MORO: BRASIL PERDE CREDIBILIDADE COM PEC DOS PRECATÓRIOS

Ao lado de parlamentares do Podemos, o ex-juiz Sergio Moro disse que vê “perda de credibilidade fiscal” do Brasil no mercado externo e interno com a PEC dos Precatórios. Pré-candidato à presidência pela legenda, ele foi ao Senado para fazer críticas à proposta.

Moro se declarou favorável ao pagamento de um auxílio permanente para famílias de baixa renda, o Auxílio Brasil. Mas, para ele e os senadores do Podemos, isso não deve ser feito às custas do rompimento de teto de gastos e de um “calote” nos precatórios.

“O teto de gastos, quando foi criado em 2016, resultou em uma imediata queda nos juros cobrados no mercado e isso impulsionou uma recuperação da economia que vinha da recessão criada pelo governo do PT. Não vamos fechar os olhos para as consequências do rompimento do teto de gastos. Isso vai gerar aumento da inflação, que vai ser respondido pelo Banco Central com o aumento de juros”, disse Sergio Moro.