BOLSA FECHA A 102 MIL PONTOS, MENOR VALOR DESDE 12 DE NOVEMBRO, POR CAUSA DA INCERTEZA FISCAL

BOLSA FECHA A 102 MIL PONTOS, MENOR VALOR DESDE 12 DE NOVEMBRO, POR CAUSA DA INCERTEZA FISCAL

A Bolsa de Valores de São Paulo fechou em queda de 1,39%, aos 102 mil pontos, menor valor desde 12 de novembro de 2020, enquanto o dólar se valorizou,  com alta de 0,45%, cotado a R$ 5,52. As ações acentuaram uma piora nesta quarta-feira, 17, diante do nível de incerteza sobre a questão fiscal no País e sem contar com a ajuda do exterior, onde também os sinais terminaram negativos.

Analistas atribuem o movimento principalmente à cautela em relação à PEC dos precatórios, cujo próximo passo é a votação no Senado, mas, se houver alteração, o texto precisará voltar para a Câmara.

A PEC dos precatórios deve gerar espaço de R$ 93 bilhões no teto de gastos no próximo ano e a desoneração da folha deve ter impacto de mais R$ 6 bilhões em 2022.