CIDADES E LITORAL BAIANOS AGUARDAM AVAL PARA CARNAVAL 2022

CIDADES E LITORAL BAIANOS AGUARDAM AVAL PARA CARNAVAL 2022

Não só a capital, mas cidades do interior da Bahia e do litoral seguem aguardando aprovação do Governo do Estado e autoridades para a realização da festa. Em Salvador, o prefeito Bruno Reis já afirmou que o encontro com o governador Rui Costa deve acontecer “na data-limite”, que seria no final deste mês, para deliberarem sobre a realização da festa.

Enquanto Mata de São João, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), e Porto Seguro, no extremo- sul, já fazem planos para a festa, as cidades de Conde, Maragojipe e Barreiras afirmam aguardar o aval do governador antes de fazer qualquer coisa. Assessor especial institucional da Prefeitura de Conde, no Litoral Norte, Antônio Reis conta que eles costumavam atingir 100% de ocupação no período. Sem as festas, a movimentação de público cai e há um impacto econômico no orçamento das pessoas e do município. Nos últimos carnavais, Conde teve, em média, 150 vendedores ambulantes nos eventos.

A Prefeitura de Barreiras, no oeste do estado, diz que conta com uma Comissão Permanente de Eventos que tem “ampla experiência em grandes eventos”, como o Barreiras Folia. Mas, diante da indefinição, “seguimos monitorando o quadro epidemiológico, bem como o posicionamento da capital e do próprio governo do estado. Sendo tomada a decisão de realização do Carnaval, o evento acontecerá com o mesmo brilho de sempre”, afirma Edivaldo Costa, secretário de comunicação.

A Prefeitura de Maragojipe informou que terá uma reunião nesta quarta-feira entre prefeito e secretários para tomar uma decisão, mas adiantou que aguarda e seguirá a decisão do governo do estado. As prefeituras de Lauro de Freitas, Madre de Deus, Porto Seguro, Itacaré e Palmeiras também foram procuradas no sábado para se posicionarem sobre o tema, mas não responderam às solicitações da reportagem.