EXCLUSIVO: BAHIA TEM 20 EMPRESAS ENTRE AS 1000 MAIORES DO PAÍS. VEJA QUAIS SÃO E QUANTO LUCRARAM

EXCLUSIVO: BAHIA TEM 20 EMPRESAS ENTRE AS 1000 MAIORES DO PAÍS. VEJA QUAIS SÃO E QUANTO LUCRARAM

O portal Bahia Econômica sistematizou as informações da edição 2021 da publicação  “Valor 1000” que traz o ranking das maiores empresas brasileiras, referente ao ano de 2020,  para selecionar as empresas baianas que compõem o ranking e qual a posição delas na região Nordeste. A Bahia tem 20 empresas entre as 1000 maiores do país e é de longe o mais importante Estado Nordeste, responsável por 47,1% da receita líquida das maiores empresas do Nordeste.

As duas maiores empresas com sede na Bahia são a Braskem, com um faturamento de R$ 58 bilhões, a 11ª maior empresa do país, e a Suzano, com faturamento de R$ 30 bilhões, a 27ª maior empresa brasileira e ambas registraram prejuízo em 2020.  A Petrobras, que tem a Refinaria de Mataripe, como a maior empresa do Estado não tem sede na Bahia.

Em seguida, aparece a Larco, na área de petróleo e gás, a Paranapanema, com a mineração de Cobre, e a estatal Embasa, formando o ranking das 5 maiores empresas com sede na Bahia.

Chama atenção no ranking a rede Atakarejo, que obteve um lucro de quase R$ 60 milhões, mesmo em plena pandemia, e a Larco, com lucro de R$ 37,7 milhões, a LM, do empresário Luiz Mendonça, com lucro de R$ 36 milhões e a PetroBahia com um lucro de R$ 9,2 milhões. A Le Biscuit registrou prejuízo de R4 55 milhões e a Santa Casa da Bahia um prejuízo de R$ 36 milhões.

Já a PetroReconcâvo registou prejuízo, mas foi a 12ª empresa do país em crescimento da receita líquida.