BRUNO ‘CUTUCA’ GOVERNO DILMA E CONVIDA BOLSONARO PARA ENTREGA DO BRT

BRUNO 'CUTUCA' GOVERNO DILMA E CONVIDA BOLSONARO PARA ENTREGA DO BRT

O prefeito Bruno Reis afirmou na tarde de hoje (16) que está aberto a receber o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Cidadania, João Roma, no momento em que eles decidirem vir à Salvador. De acordo com o gestor municipal, sua posição política é o povo. Ele também prometeu receber o chefe do Palácio do Planalto na entrega do sistema BRT de Salvador.

“Essas obras ficaram 8 anos paralisadas. O governo federal investiu quase 9 milhões de reais, estamos aqui realizando o sonho de várias famílias. Se Bolsonaro quiser vir para Salvador, será bem-vindo. Eu fui eleito para ser prefeito e minha posição política é o povo”, afirmou durante entrega do Conjunto habitacional em São Tomé de Paripe. Bruno destacou ainda que a obra começou a ser planejada ainda em 2011, durante o Governo Dilma, mas que somente andou na atual gestão.

Na entrega, estava prevista a presença do ministro João Roma, mas segundo o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, ele precisou cancelar a agenda para resolver questões do auxílio emergencial com o presidente Jair Bolsonaro. “João Roma viria aqui para Salvador e já no aeroporto foi convocado pelo presidente Jair Bolsonaro para tratar do auxílio emergencial. João Roma é amigo do prefeito Bruno Reis. Roma tem obrigação de apresentar um programa social mais robusto para o Brasil”, explicou o ministro.

 

 

 

Foto: Betto Jr./Secom