JUSTIÇA ELEITORAL ACATA CASSAÇÃO DE VEREADOR DE CAMAÇARI

JUSTIÇA ELEITORAL ACATA CASSAÇÃO DE VEREADOR DE CAMAÇARI

A Justiça Eleitoral acatou pedido de cassação do vereador de Camaçari, Val Estilos (Republicanos), feito pelo PP do município, que alegou prática de abuso de poder econômico e político durante as eleições de 2020. A decisão segue na esteira do parecer eleitoral apresentando pelo promotor Adalto Araújo Silva Júnior.

De acordo com Thiago Santos Bianchi, advogado dos progressistas na cidade, o vereador é um dos fundadores da Associação de Apoio à Família e ao Meio-Ambiente (Afab), entidade que realizou diversos atendimentos e mutirões na área de saúde, como exames oftalmológicos e cirurgias de catarata de forma gratuita, o que segundo o advogado caracteriza “abusos eleitorais”.

Como a decisão foi proferida em primeira instância, ainda cabe recurso e o parlamentar pode continuar exercendo o mandato. Se ele perder em todas as instâncias, ele perde os direitos políticos por oito anos.

Em nota, o vereador informou que não transgrediu a legislação e ressaltou que as contas de sua campanha foram aprovadas sem ressalvas pela Justiça Eleitoral. Ele afirmou que vai recorrer da decisão.

“Tenho provas de que segui rigorosamente as normas que regem a legislação eleitoral. Irei até a última instância, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), se necessário for, para lutar pelo meu mandato, que tenho exercido com muito afinco para promover desenvolvimento para Camaçari e buscar sempre melhorias para as pessoas mais vulneráveis”, pontuou.

Foto: assessoria