MOVIMENTAÇÃO CAI PELA METADE NO AEROPORTO DE SALVADOR

MOVIMENTAÇÃO CAI PELA METADE NO AEROPORTO DE SALVADOR

A pandemia afetou diretamente a movimentação de passageiros nos aeroportos do Brasil, mas não de maneira uniforme, de modo que alguns terminais melhoraram sua posição no ranking de movimentação de passageiros enquanto outros perderam posição. A movimentação de passageiros no Aeroporto Internacional de Salvador caiu pela metade em 2020, registrando um total de 3,6 milhões de passageiros, 51% menor do que em 2020.

Com isso, Salvador, que estava em 10º lugar,  subiu para 9º lugar no ranking dos maiores aeroportos do país, já que o Aeroporto Internacional Salgado Filho (Porto Alegre), que antes ocupava essa posição, teve uma queda de 60% na movimentação de passageiros.

Já o Aeroporto Internacional de Guararapes, no Recife, registrou uma queda menor na movimentação, galgando duas posições no ranking, tornando-se o 6º maior terminal de passageiros do Brasil, e consolidando sua posição de maior aeroporto do Nordeste.

O aeroporto de Guararapes registrou uma movimentação de 4,6 milhões de passageiros em 2020, uma queda de 46% em relação a 2019.  O terminal de Salvador tem uma área que é o dobro do terminal de Recife, mas desde 2016, perdeu a liderança em número de voos e movimentação de passageiros para o aeroporto pernambucano.