EMPRESA BAHIANA VAI ABRIR O CAPITAL E USAR RECURSOS PARA NOVOS INVESTIMENTOS

EMPRESA BAHIANA VAI ABRIR O CAPITAL E USAR RECURSOS PARA NOVOS INVESTIMENTOS

O aquecimento das aquisições de campos de óleo e gás, tem movimentado o mercado de capitais. Em cinco meses, a PetroRio e a 3R Petroleum, ambas especializadas na revitalização de campos maduros, levantaram cerca de R$ 3,5 bilhões com a oferta de ações na bolsa, como estratégia de financiamento de investimentos e de compras de mais ativos. Esse montante deve crescer, pois uma empresa  com sede na Bahia que explora óleo e gás  atua há cerca de 20 anos na recuperação de campos maduros, passou a enxergar agora uma oportunidade para o seu IPO e protocolando um pedido de abertura de capital junto à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), em fevereiro. Trata-se da  PetroRecôncavo, cujo plano é usar 55% da captação do IPO para pagar a Petrobras pelas aquisições em curso; 35% para investimentos, com potenciais novas compras; e 10% para o caixa.

A empresa, que tem como um de seus sócios o Opportunity, de Daniel Dantas, comprou recentemente por US$ R$ 1,2 bilhão nove campos terrestres de exploração e produção de petróleo no chamado Polo Miranga, na Bahia. Veja aqui.

O IPO terá como coordenador líder o Itaú BBA e como agente estabilizador o Morgan Stanley. Os demais coordenadores da oferta serão: Goldman Sachs do Brasil e Banco Safra.  Analistas acreditam que a nova gestão da Petrobras não fará “mudanças bruscas” nos desinvestimentos de campos maduros. (VE)