APÓS 13 ANOS DE MOSAÍCO, TIMBO É DEMITIDO DA TV BAHIA

APÓS 13 ANOS DE MOSAÍCO, TIMBO É DEMITIDO DA TV BAHIA

Na tarde desta quarta-feira (13), Alessandro Timbó se despediu do Mosaico Baiano da TV Bahia. Em postagem no Instagram, o apresentador falou sobre sua trajetória no programa, amigos que fez e sobre o último dia de gravação.

Timbó estava no comando do programa desde 2007 ao lado de nomes como Paula Magalhães, Maria Menezes e Pablo Vasconcelos.

No inicio do mês de janeiro, a TV Bahia anunciou algumas demissões e contratações como o repórter Jony Torres e o apresentador Muller Nunes.

“Hoje, em meu retorno das férias, encerrou-se um dos ciclos mais criativos e bem-sucedidos que tive em minha prospera e variada vida profissional. Tive o privilegio de participar da concepção e gestação de um então novo programa da TV Bahia, nascido em 07/07/07, com um conceito audiovisual inovador, que surgiu para ser o mais exitoso programa de TV na tarefa de refletir o comportamento baiano através da sua cultura e de sua gente! Assim o fez”, começou o apresentador.

“Fomos o 1º programa em alta definição (HD) do norte-nordeste, lideres absolutos em audiência e, ao mesmo tempo, mostrando sempre o lado bom da Bahia, da nossa poesia, da nossa essência, da beleza colorida de nossa gente, com muita criatividade e identidade, entregando um conteúdo sempre de muita qualidade”, declarou.

“Por uma dessas sortes reiteradas que tenho em minha vida, o ultimo programa que gravei (exibido em 12/12/20) foi justamente no Pelourinho, o melhor lugar possível para resumir estes meus 14 anos de TV Bahia, de muitas felicidades a? frente do Mosaico (que se confundiu comigo mesmo!), na transmissão do Carnaval de Salvador, ou na transmissão do saudoso Festival de Verão!”, concluiu.

foto: Instagram