CAIXA DIZ QUE A BAND ‘QUERIA DINHEIRO’ E DATENA PROTESTA

CAIXA DIZ QUE A BAND 'QUERIA DINHEIRO’ E DATENA PROTESTA

Em participação na reunião ministerial, cuja gravação foi divulgada nesta sexta-feira (22) , o presidente da Caixa Econômica Federal diz que a Banda “queria dinheiro”. De acordo com o Uol, uma frase de Pedro Guimarães dá a entender que o banco recusou um pedido de ajuda da emissora. “Acho que alguém está com um problema de narrativa. Hoje de manhã, por exemplo, o pessoal da Band queria dinheiro. O ponto é o seguinte: vai ou não vai dar dinheiro aos bandeirantes? Ah, não vai dar dinheiro aos bandeirantes? Passei meia hora levando porrada, mas repliquei “.

A fala ocorreu em uma reunião ministerial ocorrida no dia 22 de abril. O ministro Celso de Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal), selecionou o símbolo do encontro, citado pelo ex-ministro Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública), como uma prova do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), critérios de ameaça na Polícia Federal. Uma fala do presidente da Caixa foi exibida durante o Brasil Urgente, levando o apresentador José Luiz Datena a um protesto. De preferência, eu não quero mais entrevistar ou senhor presidente da República. Depois de uma atitude dessa que eu gostaria que o presidente da República desse entrevista para quem quisesse. Com todo o respeito que eu tenho ao carregar uma carga, eu me permito nunca mais fazer uma entrevista com ele. ”

Foto: divulgação