ROBERTO CARLOS EVITA CONVIDADOS EM LIVE DO DIA DAS MÃES

ROBERTO CARLOS EVITA CONVIDADOS EM LIVE DO DIA DAS MÃES

Aos 79 anos, Roberto Carlos está bastante preocupado com o coronavírus. O cantor fará sua segunda live no próximo domingo, 10, em homenagem ao Dia das Mães. E deverá repetir o mesmo esquema que teve na primeira. O Rei quer pouquíssimas pessoas por perto, além de fazer mistério sobre o endereço da transmissão para que não haja aglomeração de fãs na porta. Mas o EXTRA adianta alguns segredos dos bastidores deste show intimista e virtual.

O ponto alto da live de Roberto Carlos será a inclusão de “Lady Laura” no repertório. A música composta em homenagem à sua mãe será uma extensão da homenagem que ele fará a seu público feminino, já que muitas mães estarão longe dos filhos nesta data em consequência do isolamento social.

Com ele, apenas o maestro Eduardo Lages e um músico, além do diretor artístiuco e de Boninho, que tem comandado, assim como fez na de Alok, as exibições desse tipo. O cantor não quis que sua banda participasse, bem como restringiu o número de câmeras.

Vaidoso, ele só não abre mão de sua fiel escudeira Neide, responsável pela maquiagem e cabelo. É que o Rei não lida bem sozinho com a chapinha para deixar os fios lisos.

Na primeira live, ele pediu gentilmente que a profissional não ficasse muito perto e usasse luvas e máscara o tempo todo, além de uma proteção extra para os sapatos, como as usadas em hospitais. “Não entenda como assédio, é uma súplica”, justificou ele.

Para se proteger, Roberto também não pensou em convidados presenciais e até agora não fechou a participação de outros cantores durante a transmissão. Embora muitos fãs estejam pedindo um dueto com Erasmo Carlos, amigo de fé e irmão camarada.

“Roberto Carlos em casa” terá 70 minutos de duração e será transmitido pela Globo, Globoplay, Multishow e no canal do cantor no YouTube, a partir das 15h. No início da pandemia, Roberto carlos e sua equipe foram uns dos primeiros a adiar e remarcar todos os shows at´pe o fim do ano, inclusive os cruzeiros no México e no Brasil.

-Foto: instagram