ROBINSON ALMEIDA COBRA DEMISSÃO DE SECRETÁRIO DA CULTURA

ROBINSON ALMEIDA COBRA DEMISSÃO DE SECRETÁRIO DA CULTURA

O deputado estadual Robinson Almeida (PT) cobrou a demissão imediata do secretário especial da Cultura do governo Bolsonaro, Roberto Alvim, depois do mesmo disponibilizar na internet um vídeo institucional em que faz citação ao discurso do ministro da Propaganda da Alemanha Nazista, Joseph Goebbels, para anunciar o Prêmio Nacional das Artes. Para o parlamentar petista, a gravação “é inadmissível” e Alvim “ultrapassou todos os limites da moralidade, da civilidade, do respeito aos valores democráticos e humanos”.

“A demissão de Roberto Alvim é mais que urgente e precisa ser feita de forma imediata. É inadmissível, intolerável, que um representante do governo brasileiro institucionalize o discurso nazista. Ele cometeu um crime de estimulo ao ódio e por isso deve responder, inclusive. O Brasil não deve flertar nem tolerar apologia, sobretudo institucionalizada, ao nazismo. Isso é gravíssimo”, enfatizou o parlamentar. Roberto Alvim foi nomeado secretário especial da Cultura no governo federal pelo presidente Jair Bolsonaro em novembro de 2019, dois meses depois de atacar a premiada atriz brasileira Fernanda Montenegro.

Foto: divulgação